sexta-feira, maio 25, 2012


Disney com os pequenos - Epcot

Nosso segundo dia de viagem foi na Epcot. A Mariana não estava muito boazinha, gripe forte e até um pouquinho de febre, então ficou a maioria do tempo sentada no carrinho.
Logo na entrada encontramos com a Margarida, e ninguém quis papo com ela...fiquei morrendo de dó e fiz o sacrifício! hehehe



A Epcot é o parque que mais tem personagens espalhados, então foi uma delícia para os pequenos. André tirou foto com Mickey, Minie, Pluto, Donald, Pateta. Encontramos Tico e Teco, Lilo & Stich, Marie e muitas princesas.
A única princesa que a Nana gostava (até então) era a Bela, então peguei o horário em que ela estaria por lá e fiquei esperando....Só que, para minha decepção, ela apareceu com o vestido branco e azul do começo do filme e não com o amarelo de baile. A Nana não reconheceu!!! :-((

O encontro com a Marie foi o ponto alto do dia para a Mariana...ela AMOU, não queria parar de fazer carinho. Uma fila gigante atrás e eu não conseguia tirá-la de lá. Uma coisa fofa.

(dá pra aguentar essa menina????)


Um brinquedo muito legal lá é o do Nemo. É lindo, fofo, super bem feito...até a fila é uma delícia! Nós fomos umas 5 vezes. A Nana amou...entravamos na fila e ela começava a falar: "Neminhooooooo, me espera que eu to chegandoooooooooo". Uma linda! Vale super a pena.
Na saída do brinquedo fica o tubarão Bruce para as crianças tirarem foto!!!

(tive que ir junto pq era alto, ta?? rs!)


O brinquedo do Figment também é bonitinho e no Inoventtions tem umas atividades legais para os pequenos tb!

Estávamos lá na época da primavera e no Epcot estava rolando Flower & Garden. Todos os personagens que vc imaginar feito de flores e folhinhas. Só isso já era uma atração à parte...só ficar passeando e olhando os personagens já era super lindo!

(ele está fazendo um gancho com a mão! rs!)

(ai como é gatoooo!!!)

(no filme do Toy Story o Lotso - esse aí da foto - tem cheirinho de morango. E aí na foto ele está em cima de uma plantação de morangos, então tem um super cheiro de morango...uma delícia!!!)

7

sexta-feira, maio 18, 2012


Disney com os pequenos - Magic Kingdom

Magic Kingdom - vou falar por parques pra faculitar a minha vida e poder registrar tudo de gostoso que fizemos em cada lugar, então mesmo os parques fomos duas vezes, estarão no mesmo post!!!

Chegamos em Orlando em uma segunda-feira. Eu e marido não tinhamos conseguido fechar o olho no avião, estavamos exaustos e virados, mas as crianças estavam com a corda toda, então decidimos entrar no clima...deixamos as malas no hotel e fomos almoçar no Magic Kingdom.

(a neném está em to-das...vai ter história boa da neném logo mais...rs)

Entrar e dar de cara com aquele castelo já anima qualquer um. Ver a carinha das crianças olhando pra tudo aquilo é indescritível.

Chegamos tarde no parque e não tinhamos olhado nada, nem sabiamos quais os brinquedos queríamos ir...não sabiamos nada...comemos alguma coisa e saímos andando pelo parque. Tem uma área com vários brinquedos pra criança, bem pertinho um do outro...perto do carrossel, que parece boboca, mas as crianças AMAM.



O André AMOU também o brinquedo "It's a small world". Toca aquela musiquinha chata do Silvio Santos (rsrs!), mas o André adorou e a Nana fala que é o brinquedo mais legal da Disney. Ela chama de "os bonequinhos do lalalá".

Não conseguimos ir ao brinquedo do Peter Pan nesse dia, que era um dos mais esperados pelo André, mas prometemos a ele que voltaríamos nesse parque para ir. TO-DOS os outros dias da viagem ele perguntava quando iriamos ao brinquedo e no dia que, enfim, voltamos ao Magic Kingdom estava bem tranquilo e conseguimos ir três vezes. Ele diz que é o melhor de todos os brinquedos.
Na verdade nem é nada demais...é só uma cadeirinha que voa por cima da cidade e enxerga toda a história de cima, mas como ele AMA a história e conhece cada detalhe, foi uma delícia ver ali retratado.

O brinquedinho do Pooh é bem sem gracinha e o da Branca de Neve deu medo no André. O brinquedo do Buzz é bem bacana também!!!

Foi um dia muito gostoso, mas como não haviamos nos programado, alugamos carrinho no primeiro dia (15 dólares - mesmo preço que pagamos no carrinho pra usar a viagem toda) e quando viu devolver, um senhorzinho simpático perguntou se tinhamos nos divertido e se as crianças tinham visto algum personagem...eu respondi que nos divertimos muito, mas que infelizmente não tinhamos visto nenhum personagem...ele indicou onde encontraríamos o Mickey e a Minnie e foi pra fechar o dia com chave de ouro.

Eu nunca vou me esquecer das carinhas que os dois fizeram quando viram o Mickey e a Minnie pela primeira vez. Eu comecei a chorar de tão emocionada que fiquei com as carinhas deles. A foto nem está tão boa, mas vale:


Na nossa segunda visita ao Magic Kingdom, seguimos a dica da Roberta e fomos almoçar com a turma do Pooh (reservamos 2 dias antes), no Crystal Palace. Valeu muuuuito a pena, eles amaram ver toda a turminha assim de perto. Foi demais, valeu pela dica, Ro.
Também dá pra fazer uma refeição com a turma do Mickey, no Chef Mickey...nós reservamos e perdemos a hora pro café da manhã (que feeeeeio), mas parece ser bem legal tb.
E como a Nana ainda não está na fase das princesas, gostava mesmo era dos personagens da turma do Mickey. E da Sininho, que já é velha conhecida por causa do irmão viciado em Peter Pan!


Magic Kingdom é realmente delicioso, com bastante coisa bacana para os pequenos. Nós fomos duas vezes durante a viagem! Mas vê só se cansa ou não....rsrs!




5

quinta-feira, maio 17, 2012


Disney com os pequenos

Demorei, mas finalmente consegui sentar pra contar um pouquinho da nossa viagem pra Disney. A pergunta que eu mais ouço quando digo que fui pra Disney com os dois é se eu não acho que eles são muito novos e aproveitariam muito mais indo mais velhos.
E a minha resposta é NÃO, não acho que eles são muito novos. Todos os parques da Disney estão muito preparados e tem muitas atrações para crianças na idade deles.
Se forem mais velhos aproveitarão outro tipo de atrações, mas aproveitarão tanto quanto os meus pequenos aproveitaram as atrações apropriadas para a idade deles.
Além do mais, nessa idade eles acreditam na "magia". O André tem certeza absoluta que encontrou com o Homem-Aranha de verdade e isso foi muito especial pra ele e ele não teria essa sensação se fosse mais velho.

Mas vamos lá, vou fazer primeiro um apanhado geral e depois dou mais detalhes em outros posts.

Nós fizemos uma viagem de 15 dias, imaginando que em alguns dias ficariamos na piscina do hotel descansando, mas que nada...fomos a parques todos os dias, repetimos alguns que eles aproveitaram mais e foi uma delícia. Cansativo, especialmente para os papais, que andam o dia inteirinho, mas uma delícia.

No terceiro dia de viagem o André perguntou se poderíamos morar lá pra sempre, para ir aos parques todos os dias. E atualmente ela fala que quer ir a uma "school" lá na Disney, só falar inglês e ir aos parques todos os dias, claro!

Nós levamos o carrinho da Nana, que já era pequenininho e super leve e compramos um para o André, lá mesmo, no Wallmart por 15 dólares. Usamos muito e todos os dias...as crianças cansam de andar e o carrinho é a salvação, mas o carrinho de 15 dólares tem prazo de validade...nos últimos dias, depois de ser usado em média 10 horas por dia, ele mal andava...as rodinhas empenaram! rsrs!

A alimentação é a única coisa realmente ruim de toda a viagem. No parque, salvo raríssimas exceções, as opções para crianças são: nuggets, mac&cheese e pizza. Super saudável, né? Eu relaxei totalmente nessa questão, assumi que eles estavam de férias e comeriam essas porcarias durante esse período e pronto, mas tentamos minimizar a coisa levando algumas opções saudáveis por nossa conta. Levavamos sanduichinhos feitos em casa, frutinhas cortadinhas, biscoitos integrais e bastante suco...era o melhor que dava pra ser feito! Liberamos as porcarias pra eles nas férias e de volta à SP voltamos a nossa alimentação saudável de casa. Sem traumas...rsrs!

Uma dica bacana é o site Easy Disney, que aponta quais os melhores dias para irmos nos parques. Ele analisa quantas paradas vai ter no dia, o horário de abertura e fechamento dos parques e uma série de outros fatores e baseado neles aponta quais parques estarão mais cheios em quais dias. Nós olhavamos toda noite e escolhiamos o mais vazio para o dia seguinte, mas só vale para os 4 parques da Disney.

Não falhou...nós pegamos todos os parques bem tranquilos. Pudemos aproveitar todos os brinquedos sem filas enornes, com exceção de alguns poucos que não ficam vazios NUNCA!

A lição de casa de todas noites era olhar qual o melhor parque para o dia seguinte, olhar o mapa do parque escolhido, olhar o blog da  Roberta pra ver quais brinquedos ela tinha indicado naquele parque e já nos programarmos pra ver onde iriamos primeiro, qual fast pass teríamos que pegar. E assim foi tudo bem tranquilo, não deixamos de ir a nenhuma atração. (Ro, acho que o seu blog nunca foi tão acessado na vida quanto nessas duas semanas...suas dicas nos ajudaram muuuuuito!!!!)

Para os papais que, como eu e marido, adoram os brinquedos de adulto (brinquedo de adulto = montanhas russas e simuladores) e tb querem aproveitar eu tenho umas diquinhas:

O tão amado Fast Pass - pegavamos o fast pass do brinquedo mais concorrido do parque logo na entrada e aproveitavamos o horário da soneca da Nana para nos revezarmos nos brinquedos que  eu e marido gostariamos de ir. O que ficava com as crianças aproveitava para sentar, tomar um suco e descansar um pouco com o André, que não dorme mais a tarde.

Single Rider - as filas do single rider são ridículas e quase inexistentes, eles encaixam as pessoas nas cadeirinhas que sobram e então era bem rápido. O marido ia no brinquedo, entrava direto quase sem fila e voltava pra ficar com o André e a Nana enquanto eu faria o mesmo.

Alguns brinquedos tem um fast pass especialmente para a situação de pais com crianças, chamado Fast Pass - Rider Switch e funciona assim: um adulto entra no brinquedo normalmente e pega a fila regular (sem fast pass) e vai no brinquedo (acho meio infantil falar "brinquedo", mas tudo bem...rs!) enquanto o outro adulto ganha esse fast pass especial e espera do lado de fora com as crianças. Quando o primeiro adulto volta do brinquedo, o segundo não precisa pegar a fila novamente, entra na fila de fast pass, que é super rápida,

Outros brinquedos ainda tem o Child Swap, como é o caso do simulador dentro do castelo do Harry Potter. A família toda entra na fila - o que foi super legal porque a fila é dentro do castelo e eles amaram ver os quadros que se mexiam - e quando chega na nossa vez, um dos adultos entra no brinquedo e o outro adulto com as crianças vai para uma salinha especial, com TV passando desenho animado e espera. O primeiro volta, fica na salinha com os pequenos e o segundo entra na frente da fila e vai ao brinquedo direto.

Todas essas opções são rápidas e as crianças nem sentem que estão perdendo alguma coisa...vale a pena os adultos aproveitarem também, já que tem tanta coisa bacana. Eu AMO montanha russa, não conseguiria não ir em todas....rsrsrs!

Tá ficando comprido demais, então depois falo o que eu achei dos parques, passeios, atrações e muitas das gracinhas das crianças por lá, que quero deixar registrado pra que eles leiam um dia!!!





3

sexta-feira, maio 11, 2012


Dia das mães

Recebi uma surpresa LINDA de dia das mães.
Meu maridão, mega tímido, aceitou gravar um vídeo surpresa pra mim de dia das mães e está lá no mamatraca.
Já assisti taaaaaanto e choro todas as vezes! Muito obrigada, meu amor...se eu sou uma boa mãe é porque eu tenho vc ao meu lado, sempre me dando forças com seu amor!

Para assistir, só clicar aqui embaixo

MAMATRACA - Dia das mães
4

quinta-feira, maio 10, 2012


Profissões

O André precisava levar pra escola imagens que representassem as profissões do pai e da mãe. Perguntei pra ele o que eu fazia e ele foi dizendo que eu arrumava as festinhas das crianças, costurava na máquina de costura, fazia lembrancinhas e usava o computador. Pronto, recortamos essas imagens.
Separei umas imagens para a profissão do pai (advogado - eu tb era, mas não sou mais, eba!!!) e disse ao André que o papai olharia com ele quando chegasse em casa.
Papai chegou em casa e olhou as imagens com ele...imagens de um homem de terno no computador, um homem com muitos livros sobre a mesa e um homem de terno carregando uma pasta.  Papai então resolveu explicar pra ele que fazia contratos e deu o seguinte exemplo: quando uma pessoa vai comprar uma casa de outra, eu coloco no contrato quem vai comprar, quanto vai pagar, essas coisas...quando ele terminou de explicar o André veio me contar que o papai usava o computador e estudava nos livros...necas de contrato.

Eu falei (muito mais didaticamente): Filho, um contrato é que nem um combinado (termo que a gente usa em casa para todos os nossos acordos). Duas pessoas fazem um combinado e o papai escreve esse combinado em um papel. Por exemplo: Se eu disser que hoje você não pode comer chocolate, mas no final de semana eu vou deixar, é um combinado. A gente escreve o combinado no papel e se eu esquecer o que eu combinei com vc, vc me mostra o papel pra me lembrar, entendeu? Esse papel é um contrato.

Ele entendeu e adorou! No dia seguinte quando o papai saiu pra trabalhar, ele deu um papel e uma caneta pra ele levar ao trabalho e escrever todos os combinados no papel (fofo!!).

Logo em seguida, me perguntou se podia colocar a fantasia do homem-aranha. Eu disse que não dava tempo porque iríamos pra escola, mas que quando ele chegasse da escola, ele poderia colocar.
Eis que ele responde: "Mãe, acho melhor a gente colocar isso num papel pra eu poder te mostrar se vc esquecer".

Mereço? Cuidado com o que vc ensina, isso pode ser usado contra você a qualquer momento! rsrs!
12

terça-feira, maio 08, 2012


Amizade

Eu sou amiga! Amiga daquelas que diz que ama, que vive querendo marcar encontros, que gosta de ouvir, opinar e palpitar, amiga que dá bronca, que puxa orelha, que diz a verdade. Eu sou como eu gosto que os meus amigos sejam comigo, sempre sinceros.

Dou muito valor aos meus amigos, cultivo com carinho e com atenção, procuro estar sempre por perto...ou mesmo longe, tentar manter um contato mesmo no meio da correria, seja por um email, uma mensagem, uma ligação só pra dizer oi.

Já sofri muito por amigos que se foram. Sabe aquelas pessoas que são inseparáveis por um período e depois se distanciam sem nenhum motivo específico? Então, eu sofro! Com a gravidez algumas amigas se foram, eu sofri, tentei reaproximar, mas não rolou, então só me restou aceitar que algumas pessoas simplesmente passam.

Por outro lado, algumas pessoas entram na sua vida e nem sabemos como se tornam tão especiais. Eu tinha uma amiga da faculdade super fofa. Sempre gostamos uma da outra, mas nunca fomos graaaandes amigas, de se telefonar, contar coisas, enfim...éramos amigas, nos viamos sempre, mas nada demais.

Não sei em que ponto da vida fomos nos aproximando, fomos ficando cada vez mais e mais próximas. Ela conheceu um cara lindo (que usava brinco), super gente boa, começou a namorar, casou. Meu marido super adora o marido dela e isso ajuda muito em qualquer amizade. E aí sim, ficamos muito próximos, os 4. Viajamos juntos, tomamos muuuuuito e muuuuuuito vinho, até começaram a nascer os nossos filhotes, primeiro o André, depois o Pedro, depois a Mariana e muito em breve o Felipe.

E eu recebi a maior prova de amizade, carinho, admiração e amor: fui convidada para ser madrinha do pequeno Felipe, que ainda está lá no quentinho da barriga da mamãe e que já é muito, muito amado pela madrinha, pelo padrinho e muito esperado pelo Dedé e pela Nana!!

Eu fiquei tão emocionada que mal consegui falar alguma decente, mas estou simplesmente apaixonada pelo meu afilhado, louca pra pegá-lo no colinho, olhar nos olhinhos dele e dizer o quanto sou feliz por tê-lo na minha vida!

Amo ver os nossos pequenos brincando juntos e o Felipão só vai chegar pra completar a bagunça!

Feliz demais com a prova de amor que recebi dos meus queridos compadres e a certeza que nossa amizade só crescerá com o passar do tempo! Amo muito vocês 4!!!


6

quinta-feira, maio 03, 2012


Garota de Ipanema

Desde quando eu descobri que estava grávida de uma menininha, só conseguia imaginar a gatinha de biquíni, brincando na areia da praia.
Acho que foi por isso que, desde o primeiro dia de vida, eu comecei a cantar "Garota de Ipanema" pra ela dormir. Meu marido é do Rio e eu sempre achei a minha Naninha a própria garota de ipanema...a coisa mais linda que já tinha visto.

Cantei muuuuito pra ela, foram muitas e muitas madrugadas andando pela sala e cantando bem baixinho pra ela acalmar. Era sempre um último recurso, quando ela estava muito nervosa, eu cantava essa música pra ela e ela ia acalmando.

Isso vale até hoje, quando nenhuma conversa adianta mais, no auge de qualquer escândalo, eu pergunto se ela quer a musiquinha de quando ela era pequenininha...eu canto, ela acalma. Isso aconteceu durante a nossa viagem pra Disney (ainda vou falar muito sobre ela, aguardem...hehehe)...ela estava chorando, gritando e fazendo birra no carro, eu comecei a cantar a música e depois de repetir umas 3 ou 4 vezes, ela já estava dormindo.

Só que eu nunca pedi pra ela cantar e nunca imaginei que ela soubesse. No dia seguinte do que eu contei acima, estavamos novamente no carro e ela pediu pra eu cantar a música da Nana (Helô, so sorry...mas a música agora é da Nana) e o marido rapidamente pediu que ela cantasse pra gente!!!

Fiquei besta....ela começou a cantar pela primeira vez e cantou a música inteirinha!!! Quase morri do coração e comecei a chorar que nem uma tonta (marido tb chorou, mas não está mais aqui quem contou....rsrs)
. Já adorava saber que a musiquinha que eu tinha escolhido cantar pra ela a acalmava tanto...quando vi que ela sabia a música toda não me aguentei!!!!

Chegando de volta no hotel, pedi pra ela cantar novamente e filmei....ela não cantou inteirinha, mas ficou fofa!!!
* a tonta da mãe aqui, esqueceu de editar o vídeo, então desconsiderem os primeiros minutos e os últimos tb, ok? rsrsrsr!




20