terça-feira, junho 19, 2012


Alimentação

Essa é mais uma história que comprova que quando viramos mães, tudo que haviamos dito antes, volta com tudo na nossa testa.

Eu sempre achei um absurdo criança que não sabe o que está comendo. Uma vez vi na Oprah (hohoho) uma entrevista com a Jessica Seinfeld (mulher do Jerry) em que ela ensinava a fazer vários pures de legumes para que a criança comesse os tais sem se dar conta. Ela até escreveu um livro ensinando as mães a disfarçarem verduras e legumes no meio da comida, para que as crianças não percebessem que estavam comendo. 

Eu ali, casada, sem filhos, cheia de sobrinhos pra eu "julgar" a educação, achava aquilo UM ABSURDOOOO. Criança tem que saber o que come, tem que saber a importância de ingerir todos os tipos de alimento, tem que saber os benefícios da alimentação saudável....e todo um discurso lindo sobre o que eu faria quando tivesse meus próprios filhos.
Criança que come essas coisas escondidas na comida não vai criar bons hábitos alimentares e vai crescer achando que não gosta mesmo dessas comidas. É importante oferecer, insistir e bla bla bla.

Vejam bem, eu ainda acredito em todo esse meu discurso, mas na prática a história é bem diferente, né não?

André sempre comeu de tudo. Sempre me orgulhei da qualidade da sua alimentação, variedade de pratos, verduras, legumes, nada era um problema. Ele sempre provou de tudo e gostava de quase tudo....mas então ele foi crescendo e virando um chatinho seletivo que não gosta de mais nada.

Eu disse NADA! NA-DA!

Ele come o basicão e cismou que não gosta de nenhum "verdinho". A minha reação foi normal...continuei oferecendo, explicando, pedindo pra provar, dizendo que ele sempre gostou, que é uma delícia, que é importante, que é saudável....

Se na nossa época os pais apelavam para o espinafre do Popeye, eu apelo para os personagens que ele ama.

- Sabe por que o Peter Pan usa roupa verde? Porque verde é a cor favorita dele....ele ama tudo que é verde. Ama brócolis, espinafre, alface...
- Sabia que no feijão tem ferro??? Por isso que feijão é a comida favorita do Homem de Ferro.
- Filho, olha só esse brócolis, não parece uma teia de aranha?? Foi o homem aranha que fez....

Espertinha eu, né? Mas nada funcionou...ele não come mais. Só quer saber do macarrão, carninha, arroz, estrogonoff....nada de verdinhos.
E o que eu comecei a fazer??? O que a Jessica Seinfeld mandou!

Espinafre misturadinho no feijão. Arroz com brócolis escondidinho embaixo do feijão.  Carne moída com leguminhos picados minimanente para que não possam ser vistos....enfim, to escondendo os verdinhos pra ele comer e me sentindo péssima.

O que vcs fazem, mamies lindas? Help me!!!!

* A Nana come tudo e mais um pouco, verde, amarelo, azul...com ela não tem tempo ruim, come o que estiver no prato e pede mais. Espero que continue assim!!!! :-)
17

17 comentários:

Tatty Franey disse...

olha... o Billy comia de tudo e com 18 meses não comia mais nada. é SÓ arroz com feijão, muito de vez em quando um macarrão ou couscous marroquino (só com ervilha e atum). e sopa 1 ou 2 x por semana, mais que isso não come. e não adianta esconder na comida, ele sente o gosto e não come. aaarrggh! se alguém souber o que fazer, também aceito ajuda :)

Mãe de Duas disse...

Rê, bem vinda ao clube. Meu nome é Priscilla, sou mãe de duas e vou entoar outro mantra da maternidade: é fase, vai passar. (hehehe)
Desenvolvi uma teoria, depois de alguns anos de experiência/observação, que eles comem o que precisam. Em uma fase de estirão, aceitam até pedra. Mas em épocas menos ativas do metabolismo, ficam mais seletivos mesmo. Isso é a MINHA conclusão, nada científico, mas tem feito sentido aqui em casa.
Boa sorte, querida!!
Beijos

Avassaladora disse...

Renata, acho que é da idade mesmo, o Gui por aqui também não quer mais nada. E olha que ele era daqueles que não recusava nada!!!
Eu vou fazendo como você, batendo beterraba no feijão, couve, espinafre... essas coisas... às vezes eu obrigo a comer... mas não é a tecnica mais indicada, né! Mas como diz a Lú Brasil, pra quê ser mãe se não pode traumatizar...hahahaha
Boa sorte por ai, se conseguir uma tecnica infalível, divide com a gente...

Roberta Lippi disse...

Hahahahahaha. Eu também já tomei várias cusparadas em relação à comida.
O que eu penso sobre camuflar comida? O mesmo que você! O que eu faria no seu caso? O mesmo que você!!
Beijos e vai fundo, amiga, sem culpa!!

daniela barbagli disse...

Já comecei a me preocupar com o meu futuro porque por enquanto a Joaninha come horrores!... mas quer saber? é melhor comer sem saber do que ficar sem alguns nutrientes, certo?
Sem peso na consciência... vida de mãe é assim, né? a gente faz um milhão de coisas que não concorda e certamente será o melhor que poderemos fazer!

Cris disse...

Faço minhas as palavras da Priscilla: é fase, vai passar. Aqui em casa também já tivemos várias fases, desde comer de tudo e mais um pouco, até a extinção total das refeições principais (e olha que a minha filha só tem 2a5m). Hoje estamos numa fase mais tranquila, e concordo com vc que a gente tem que ensinar que comer bem é importante. Mas na hora do aperto não me culpo de "esconder" os saudáveis no prato - aqui em casa sempre tem beterraba ou abóbora no feijão, cenoura no arroz, berinjela no strogonoff, purês de todas as variações legumísticas. E assim vamos seguindo...

Susan disse...

Ai Renata, eu também já fiz esse seu discurso um dia desses, rs.
Também sempre me orgulhei do Davi comer de tudo, mais agora tá com uma chatice de não comer os "verdinhos".
Isso faz parte do paladar das crianças né, lembro de quando eu era criança não gostar também, hoje me pego tendo que experimentar coisas que até ontem não gostava e hoje eu passei á adorar. Redescobrindo sabores, o nosso paladar vai mudando conforme o tempo, e neles também.
Tô num tal de esconder os verdinhos no feijão, e não me sinto mal não, eu mostro, insisto pra comer, falo historinhas, falo que o ursinho gosta, que o gatinho também... enfim, mais quando vejo que não tem jeito, faço isso. Antes isso do que uma anemia e remédios.

Beijos.

http://piticodegente.blogspot.com.br/

Raira disse...

Olha eu ainda não tenho filhos, mas como babá o que funcionou com as "minhas crias" foi envolve-las no preparo, tipo temperar a salada e ajudar mesmo a fazer.
Espero que ajude
Beijo

Sarah disse...

Mais uma mãe desesperada aqui! Bento era igual, comia de tudo, mesmo. Já escrevi orgulhosa que ele comeu quiabo. Hoje ele ainda AMA feijão, grazadeus, mas nada que tenha a cor verde. Tb nunca parei de oferecer, nunca parei de comer na frente dele pra dar exemplo, nada mudou. Mas nada funciona.
Vou tentar a tática dos personagens, quem sabe... No mais é torcer pra passar!
bjos!

Mari Hart disse...

Ai Re... sinceramente, não sei como ajudar pq nunca tive esse problema com meus filhos. Minha única teoria é do exemplo. Costumo ver muito (não tô dizendo que é seu caso hein!?!?) de mãe tomando coca-cola em todas as refeicões e dizendo pro filho que coca faz mal e dando suco pro filho. E hj aos 5 anos, choooooora pq a criança só come se tiver coca! #oi!?!!!? E veio me dizer: "me dá o segredo!" Segredo cara pálida?! Children see, childreen do.

Sabe que tenho o problema contrário com as crias !? Comer demais e de tu-do. E queria fazer um post sbre isso, falta tempo. Será que serei apedrejada?! rs... Pq a boa alimentação tb tem seu lado B! #sofro

Bjo, bjo, sua linda!

Mari Hart disse...

hahahahhahaha.... adorei o coment da Pri! rsrs!

Mamma Mini disse...

Rê aqui o David tb comia tudo e depois ficou bem seletivo mas hj come brócolis,milho,pepino,cenoura... Eu sempre consegui as coisas c ele oferecendo prêmio: comeu legumes ganha picolé ou sorvete de massa q ele ama (depois da fruta!) e sempre funcionou... Outra coisa q funciona é misturar tudo o q ele não gosta c batata palha... Fazer o q? Tem q fazer tudo... Aqui nega o Beny não come NADA Salgado, eu disse NADA ele já tem 9 meses e só come fruta e leite... To ferrada! Bjo e boa sorte!

Carol Garcia disse...

força amiga!
isaac tbm sempre comeu de tudo mas agora está mais seletivo.
mas naquelas loucuras. tem dia que só quer bisnaguinha, tem dia que só quer comer salada, noutro só purê de abobóra e kinder ovo.
e eu não surto.
vou no ritimo que dá sem estress.
qdo percebo que a coisa tá desandando camuflo sim. sem vergonha.
bjocas
e ó, vai passar né não?!?!?

Paloma, a mãe disse...

Ahaha, eu faço igual a vc e a Jessica (aliás, tenho o livro dela), inclusive comecei por recomendação médica, quando a Ciça entrou nesta fase chatinha - que ainda não passou - de recusar todo e qualquer legume. Eçla só come tomate (que é fruta) e alface, nada mais. E o basicão ela come (arroz, feijão etc.), isso já é um bom começo, claro.
Cali comia de tudo, mas, influenciada pela Ciça, às vezes faz cara feia para alguns legumes e se recusa a comer outros. Vai começar...
Beijos

Carolina disse...

Nossa, eu sofro tbm, mas acho que é fase mesmo porque tem épocas que o Linus come bastante e bem variado, mas tem épocas que não quer nada nada, só pão e banana... aí eu continuo oferecendo sempre e uma hora volta a comer, depois pára e volta...... assim tbm tenho que prestar atenção em texturas, temperos e algumas coisas que ele não come de jeito nenhum... tipo pure, molho, caldos, cozidos "al dente" e qualquer derivado de leite ele recusa sempre, mas dá pra comer bem sem isso.

Lia disse...

Rê, aqui é meio que ao contrário. Se eu pico a cenoura pequenininha e misturo no omelete, Emília cata tudinho. Agora, se eu mando ver na cenoura graúda e coloco um montinho no prato, ela devora. Ela gosta de tudo separadinho, e se for pra misturar, ela mistura na colher. Ela também está super seletiva e inventa que não gosta de abóbora, não gosta de abobrinha... Mas tem comido outros legumes (bróculis, couve-flor, berinjela, a própria cenoura) que dão os nutrientes suficientes.
Vale tentar preparar os legumes de outro jeito também, tipo com um molhinho branco, hmmmmm.
Outro dia Emília sentou à mesa e disse: "não quelo comer suchu". "Tá bom, Emilinha". Coloquei tomate, couve-flor, e caiu um pedacinho de chuchu no prato. Ela perguntou o que era, eu disse que caiu sem querer e que ela não precisava comer. Não sei por que cargas d'água ela resolveu enfiar o troço na boca. E comeu TODO chuchu da assadeira. Depois explicou: "Eu apendi a comer chuchu".
Ok, né?

Moda infantil feminina disse...

Acho que você está no caminho certo, melhor comer os saudaveis escondido, do que não comer nada ne amiga.
Sem culpa, pois você está só pensando no melhor para ele.

Bjs
Ana