quinta-feira, março 01, 2012


Raivaaaaa


Antes de começar a história, um detalhe:

* Mariana acordou hoje em um dia de fúria....estava mais chorona e mais gritona que o habitual.

A história:

Precisava levar os dois pra tirar foto para o passaporte e escolhi um lugarzinho perto de casa, uma papelaria que tem de tudo, inclusive foto. Cheguei lá e as três atendentes da papelaria estavam atendendo uma outra cliente (3 atendentes - 1 cliente).
As crianças começaram a olhar os caderninhos, lápis, bloquinhos, canetinhas, etc e queriam mexer em tudo....depois de uns 30 "não pode mexer, só pode olhar", perguntei pra uma das atendentes se alguém poderia tirar as fotos pra mim. Recebi cara feia da atendente, que me respondeu: "só um minuto, senhora". Raivinha #1

Elas só vieram me atender quando a outra cliente foi embora, e então fomos para as fotos. André sentou no banquinho, olhou pra câmera, sorriu e pronto....foto tirada.
Mariana começou a chorar antes de sentar no banquinho, gritava "eu não queeeeeeeeeeero" como se eu estivesse pedindo pra ela tomar uma injeção e o meu pedido era que ela sentasse no banquinho. A moça que estava tirando a foto era a mesma que tinha feito cara feia pra mim, e já deu uma "bufadinha" quando a Nana começou a chorar. Raivinha #2

Consegui convencer a ferinha a sentar no banquinho, dei uma caneta na mão dela pra acalmar e nada de ela olhar pra frente....ela chorava, olhava pra baixo, pra cima, colocava a mão no rosto, chorava mais...e eu tentando fingir que a minha paciência não estava esgotando e que a moça bufando não estava me irritando. Umas cinco fotos depois, conseguimos uma razoavelmente boa.

Enquanto esperava a impressão das fotos, a moça bufante resolveu ser simpática:
"Já que vcs tiraram as fotos, a tia vai dar uma bala pra cada um"

Uma BALA. Veja bem, era uma papelaria, ela podia ter dado um lápis, um adesivo, uma borracha, um bloquinho, qualquer coisa, por que escolheu uma BALA, meu Deus? E mais, que tal me perguntar se ela poderia dar bala aos dois??

Era daquelas balas mastigáveis, de leite, enoooormes e que grudam no dente, sabem? E eram 11h da manhã. Os dois pegaram a bala, agradeceram e eu abaixei pra conversar com eles, eu disse que tinha ficado feliz por eles ganharem a bala e terem agradecido, mas que eu iria guardar a bala para que eles comessem no final de semana.

O André entendeu bem, ele sabe que não ganha balas, nem doces, nem chocolates durante a semana e não se incomoda mais com isso, mas a Nana estava em um dia de fúria, lembram?? Fez um escândalo de se jogar no chão e perder o ar.

Peguei a gatinha do chão, conversei e expliquei mil vezes que a bala era dela, que ninguém iria comer, mas que ela só ganharia no final de semana, bla bla bla.

Ela parou de chorar e foi pro chão. A mocinha FOFA pegou na mãozinha dela e disse: "A mamãe não tá boazinha com você hoje, né? a tia deu a bala e a mamãe não quer deixar você comer".

%#@$&*#$ˆ!@$@#&!!!! Caceta, ela tinha ouvido toda explicação, queria matar a criatura....óbvio que a Nana começou a chorar de novo!

Quem me conhece sabe que eu não aguento ficar quieta, mas até que ela me pegou num dia bom. Eu só disse: "Será que você poderia voltar ao trabalho e deixar a minha filha comigo?"

Ai, que raivaaaaaaaaaaaaa!


Legenda:
Dedé "to de bem com a vida"; Nana "sou invocada mesmo, e aí? algum problema?"





21

21 comentários:

Elise Machado disse...

Você é uma lady, amiga.
Eu tinha fácil dado uma bifa nessa mulher!

(o melhor do post são as fotos com as legendas, rs.)

Avassaladora disse...

Ai, odeio essas pessoas que dão balas e afins pras crianças sem perguntar pra gente... Ainda bem que o Gui não gosta, mas já sei que terei trabalho com a Ciça...

Alice disse...

Nossa, SEM NOÇÃO é pouco para a moça! Mas você fez bem, não vale a pena gastar lábia nesses casos, deixa a Joselita pra lá. Bjks

Samy disse...

Depois dizem que meninos é que dão mais trabalhos, rsrrs, assim como vc, tenho um casal, o mais velho é um Príncipe, educado, tranquilo, mas a caçulinha tem 1 ano e meio e é mais ou menos essa descrição que você deu da Nana...
Tbm detesto que as pessoas deêm balas e doces aos meus filhos sem me pedir, e ainda eu é q sou enjoada!

JACK ROSA disse...

HAHAHAHA MAIS QUE COISA, AS PESSOAS QUEREM DITAR AS NORMAS DE COMO CRIAR NOSSOS FILHOS.É DE+ NÉ AMIGA?
MAIS VOCÊ FOI SUPER PACIENTE E EDUCADA, PARABÉNS POIS DEPOIS DE TODO O CHORORÓ VC FOI UMA LADY BJKSSS
JACK ROSA
http://diriodeumamedeprincesa.blogspot.com/

Ilana disse...

Na boa? Eu esganava a vendedora sem dó nem piedade.
E eles estão muito lindinhos!!!
Bjos

lolo disse...

Noooooossa, eu nem sei o que eu teria feito!!! Minha sorte é que a Lara ainda não aprendeu que é possível abrir balas e come-las, hohoho.

PS: O importante é que eles ficaram LIIIIINDOS!!!

Mãe de Duas disse...

Tão lindos! Rê, sobre a vendedora, só um comentários: ela é uma não-mae (sentiu a linguagem de gueto, né?), mas sobre a foto, tira em casa mesmo que é mais tranquilo e depois faz ela ficar no tamanho que precisa (acho que é 5x4 não é?) num desses softwares de manipulação de imagens online.
Ou manda pra mim. Vai ser um prazer!
Beijos
Pri

Pati disse...

esta moça da loja merece uma diarréia de 2 dias seguidos, bem no final de semana!
socorro, que escrota
vc foi muito, muito paciente!
mas que a foto da gatinha valeu, valeu né?!!!

Dani Meggiolaro disse...

Se tem uma coisa que me tira do sério é tirar foto 3/4 e afins da Gui. Ela SEMPRE dá escândalo! Tenho vontade de trucidar. Quanto à vendedora, criaturinha sem noção, não?
Beijos amiga!

Cris disse...

Lindos! E a Nana nessa idade já tem tpm!?!?!? Rs... Vc foi uma santa...

Carolina disse...

Ai o Dé tá lindo demais! E vamos combinar que a cara da Nana ficou mega engraçada, eu adorei! Mas eu não teria a sua paciência não... Odeio gente mal educada!

Lia disse...

Gentz, que fofura de Andre!!! E que SEM NOÇÃO essa pessoa, hem? ravinha foi pouco...

Dani disse...

Odeio isso... odeio gente que se intromete, que dá coisas para os nossos filhos sem nos perguntar antes. Especialmente, uma bala. Vc está certíssima e ao meu ver, agiu da melhor maneira possível. Espero conseguir manter essa calma qdo for a minha vez - pq ela chegará, tenho certeza!

Que odio dessa gente, mas passa!

Beijos!

(Mamãe) ~Pinel disse...

Ravinha é pra ser boazinha né???
Que isso... eu não sei como você se segurou, porque se fosse eu... rá,rá! Tenho dó da atendente bufante!

Agora, que eu me lembre, quando eu fui tirar foto do passaporte, a roupa tinha que ser escura, e a foto era tirada na hora! Funciona diferente para criança?

Paloma, a mãe disse...

Ahahaha, descul´pe, mas eu ri (porque nao foi comigo, óbvio). Olha, se forem para os EUA, acho que a Nana não vai ganhar o visto com esta cara de invocada, ahahahahaha.
Não, sério, se já é difícil tirar foto das ferinhas quando está tudo bem, imagina neste clima com mãe E fotógrafa se odiando mutuamente? Afeeee.
E a bala? Eu, que odeio intervenções alimentares, seria bem grossa neste momento, para ver se ela se tocava.
Beijos

Anônimo disse...

Se você achou a atendente desagradável, tenho certeza que a moça pensou o mesmo de crianças mal educadas, como os teus filhos e não é obrigada a aguentar mãe e filhos muito chatos!
Acredito que lidar com "povão" deva ser bem desagradável!
Rosangela

Mamãe pela 2ª vez disse...

Eles estão lindos, mais que vontade de torcer o pescocinho da moça, perece que vejo sua raiva.
bjus

Adriana Engelmeyer disse...

nossa.....muito sem noção essa atendente.....
eu daria uma bela resposta....você foi super bem educada....kkk
bjus

Daniely Novo Kamaroff disse...

Corrigindo a legenda da Nana...Sou ARIANA mesmo e daí?,...rs
Eu tinha rodado a minha baiana com a vendedora...

Susan disse...

Ai ai, esses arianos viu, sei bem, tenho um de 01 ano e 11 meses lá em casa. Agora sobre a atendente.... pelamor hein, ô vontade de esganar!!!