sexta-feira, julho 30, 2010


Personagem favorito



Até bem pouco tempo, o André nunca havia manifestado interesse em nenhum personagem específico. Gostava do Cocoricó, do Sid - o cientista, do Nemo e de alguns outros desenhos, mas sem ter nenhum predileto.
Agora tudo mudou...
Tudo começou um dia antes do aniversário dele, quando passou Toy Story 1 na televisão. Nós assistimos juntos e ele adorou. Ele não assistiu ao filme todo porque ainda não aguenta, mas assistiu bastante e ficou felizinho vendo o Woody.
No dia seguinte, na festinha dele, ele ganhou um Woody de presente e como estava com o filme fresquinho na memória, foi o suficiente para que o Woody se tornasse o seu personagem favorito. Ele grudou nesse boneco, queria colocar pra dormir ao lado dele...passava o dia todo com o Woody na mão.
Dias depois, ganhou uma pantufa da fofa da Déa e amou - a mais pura coincidência, já que ela nem sabia que ele estava nessa fase Toy Story.
Começou a pedir toda hora pra ver o Woody na televisão. Como eu e o maridão também gostamos muito do filme, compramos o 1 e o 2 e, desde então, ele assiste TODOS OS DIAS. Não para pra assistir ao filme todo, mas o filme fica rolando e ele assiste por partes...só que já memorizou quase tudo, repete frases e fica super feliz quando sabe o que vai acontecer em seguida.
Daí em diante, começou a pedir um Buzz "bem gandão". Eu e o marido não gostamos de dar presentes assim toda hora, sem motivo...achamos que acostuma mal e achamos também que é legal esperar as datas específicas pra ganhar o que quer...cria uma expectativa gostosa. Maaaaaaaaas, como eu tinha uns presentes de aniversário dele pra trocar, troquei por um Buzz e ele AMOU!
Agora passa o dia com os dois...coloca pra dormir na cadeirinha da Nana, cobre com a coberta e dá boa noite antes de ir dormir. Ontem levou os dois ao médico com ele e hoje cedo me disse que o "Woody é muito legal". rsrsrsrs!

E, pela primeira vez, ele montou um diálogo inteiro entre os bonecos. Segurou um em cada mão e colocou os dois pra conversarem. Fico cada dia mais admirada com a evolução da fala dele....coisa mais fofa do mundo!

E agora temos um primeiro personagem (ou melhor, dois personagens) favorito aqui em casa!
13

quarta-feira, julho 28, 2010


VIV

Pausa na programação para anunciar a nossa Very Important Visitant:

Tchã, tchã, tchã, tchãããããnnnnn......

Hahaha, não temos!!!

Passei ontem o dia todo ansiosa pra saber quem seria, e então recebo 3 mensagens diferentes dizendo que eram o visitante especial. Liguei pro maridão na mesma hora berrando: "o que eu façoooooooo????" hahahaha

O que aconteceu foi que o contador do blog não é sensível a ponto de identificar pessoas que entram juntas no blog e acusa o mesmo número. Mais tarde duas outras pessoas disseram ser o visitante número 33.385!Justificar
Quando liguei pro maridão, ele sugeriu que eu "premiasse" a pessoa que comentou primeiro, e eu até achei um critério justo, mas decidi premiar as 3 visitantes.

Primeiro porque a idéia é fazer os livros circularem mesmo e depois porque foram 3 e como o post é sobre o número 3, achei lindo ter 3 visitantes especiais. :-))

Então, queridas Flávia (que eu tanto amo), Ana Beatriz (que é uma fofa que me manda emails carinhosíssimos) e Ana (que eu não conheço, mas disse que sempre me lê), por favor me mandem seus endereços pra que eu possa enviar um livrinho que será cuidadosamente e carinhosamente escolhido na minha estante*!

* Mentira deslavada - os livros estão encaixotados desde a mudança, não estão em estante coisa nenhuma...mas a frase ficou tão mais bonita assim...rsrsrs!
7

terça-feira, julho 27, 2010


Madinha Maiuta


Essas duas aí na foto somos eu (de biquíni) e a madrinha do André (de maiô). Nos conhecemos na escola, aos 7 anos de idade e desde então somos amigas...
Pensando bem, acho que "amiga" não é a melhor definição, já que nosso relacionamento nunca foi de simples amigas, mas sim de irmãs. Sabe duas irmãs que passam tanto tempo juntas que já conhecem cada olhar, cada gesto da outra e ao mesmo tempo que brigam horrores, discordam em milhões de coisas, mas continuam ali, firmes e fortes? É exatamente assim que nós somos...passamos por todas as fases juntas, dividimos experiências, sorrisos, lágrimas, novidades, sonhos e muitas, muitas, muitas alegrias ao longo desses 26 anos de amizade.
Então foi fácil decidir quem seria a madrinha do André, porque isso estava combinado desde que brincávamos de boneca, que uma seria madrinha do primeiro filho da outra. O André nasceu e pronto, já tinha madrinha...ela ficou um pouco receosa no começo, pensando como seria o relacionamento dela com ele, já que era um menino (sabe assim suuuuuuuper libriana, que pensa demais sobre tudo?? rs!), mas acho que o receio passou porque ela sabe que o molequinho é doido por ela! E eu? Feliz da vida pela escolha tão acertada!
Ele a chama de "madinha maiuta" (madrinha maluca) e foi a melhor definição de todos os tempos, já que a figura deita no chão, faz mais bagunça do que ele aqui em casa, anda no tico-tico dele e vai com ele em todos os brinquedos do parquinho. E quando eu digo que vai com ele, é literalmente - senta no gira gira pra girar junto, sobe a escada e escorrega no escorregador, vai em todos os brinquedos e ele AMA.
Hoje não é dia da madrinha, nem aniversário dela e nem nada, mas deu vontade de escrever esse post só pra contar o que o molequinho disse hoje de manhã:

- Mamãe, quando a madinha vem aqui brincar com o Dedé?
- Não sei, filho...vou perguntar pra ela.
- Ela picisa ir com o Dedé no patinho (parquinho) porque a mamãe não sabe escorregar no escorregador...só a madinha que sabe!!!

Eu me derreti toda quando ouvi e ela vai se derreter toda quando souber!!


Nós amamos você, madinha maiuta! E corre pro parquinho com o Dedé!!!

* NÃO ESQUEÇAM DO POST ABAIXO!! To doidinha pra saber quem é o visitante especial! rs!
7

Visitinha especial

Eu e o maridão adoramos livros! Estavamos sempre comprando, comprando até que fizemos a promessa de que só poderiamos comprar mais um livro depois que tivessemos terminado de ler todos os que temos em casa. Algumas vezes "roubamos" na promessa, pedindo livros de amigo secreto e tal...mas tecnicamente vale, porque não estavamos comprando...rs!
Embora comprassemos muitos livros, nunca gostamos de mantê-los em nosso poder. Nós achamos que as coisas (de um modo geral) devem circular e não ficar acumuladas, então após a leitura costumamos repassar os livros pra que alguém leia e sempre pedimos que após lidos, sejam repassados novamente...
Claro que temos algumas exceções, alguns livros que gostamos muito, que vamos ler novamente ficam aqui guardados, mas a maioria nós passamos adiante!
E essa introdução toda pelo seguinte: todo mundo aqui já sabe (e quem não sabe, pode ler AQUI e AQUI) que eu adoro o número 3 (aaaaaaaaaaaai, Renata...de novo essa história! rsrsrs!) e estamos nos aproximando do visitante número 33.333.

Esse ilustre visitante será presenteado com um livro meu. O livro vai depender de quem ganhar...assim que eu souber quem é o visitante, vou escolher um livro que eu acredito que a pessoa vá gostar. E se eu não conhecer a pessoa muito bem, obviamente vou escolher um livro que eu gostei muito!

Portanto, a partir de hoje, faça a alegria dessa querida amiga que vos escreve: fique atento ao contador verdinho lá embaixo (em "visits") e me avise se você for o visitante número 33.333, ok???

10

domingo, julho 25, 2010


Sorteio

Queridas, acabamos de fazer o sorteio dos ingressos do cinema. Como eram apenas 6 participantes, fiz os seis papéis e pedi pro André sortear.
Na primeira vez, ele pegou todos e saiu correndo com os papéis, mas na segunda vez sorteou direitinho...
Só não reparem na qualidade do vídeo: papai filmava com a Nana no colo, mamãe doida e descabelada na rua e o Dedé de capacete de bicicleta! rs!



video

Pati querida, adorei dar os ingressos pra você. Coloquei o seu papelzinho escrito Patrícia e Mariana pra diferenciar da outra Pati e o André já assumiu que toda Mariana é NANA, reparou? Eu disse "Patrícia e Mariana" e ele repetiu "Patícia e Nana". :-))
Por favor, me mande um email (lilata@uol.com.br) com o seu endereço pra eu colocar os ingressos no correio.
beijos
3

quarta-feira, julho 21, 2010


O Segundinho - parte II

Sabe o que acontece quando você está gripada, cansada e com sono? Faz post pela metade!!! rs!
O post de ontem não era pra ser tão desanimador, mas eu esqueci de escrever uma parte importantíssima e só me dei conta disso na mamada da madrugada. Entonces:

O SEGUNDO FILHO É MESMO MUITO MAIS FÁCIL!!!

Eu tenho impressão que a Nana sozinha não me dá trabalho nenhum. Quando o André está na escola e eu fico só com ela, acho tudo uma tranquilidade...e tudo é realmente muito mais tranquilo. Nós somos mais experientes, menos encanadas e as coisas fluem.
O André sempre me deu trabalho pra dormir por causa do refluxo (que demoramos a descobrir), então eu deixava a casa em um silêncio absoluto, desligava a campainha do telefone, não dava descarga, não ligava o microondas, avisava o porteiro pra não ligar no interfone...e como resultado ele tem o sono super leve e acorda com tudo. Já com a Nana é bem diferente, eu não tenho como amordaçar o André pra ele não fazer barulho, então desde sempre ela se acostumou a dormir assim. Durante o dia ela fica comigo na sala (porque eu não dou conta de ficar subindo escadas o dia todo) e dorme direitinho! Acho até que isso a ajudou a diferenciar dia e noite bem cedo, já que durante a noite ela estica 5 ou 6 horas desde os 2 meses.
Não temos mais medos - de banho, de umbigo, de quebrar (rs!). Não temos mais encanações com horários...a Naninha mama na hora que tiver vontade, tanto que durante o dia tem mamado de 2 em 2 horas e durante a noite estica bem (mas se acordar, mama tb, é claro!)
Como eu disse no post de ontem: hoje eu nem consigo entender porque é que eu ficava tão cansada SÓ com o André...rsrsrs!
Além do mais, todas as pessoas do mundo ASSUMEM que você já sabe cuidar de filho e dão muito menos palpites. Veja bem, eles não são inexistentes, mas são poucos.
E melhor, você já tem tudo que precisa...sabe direitinho o que usa e o que não usa, não compra besteiras desnecessárias e no meu caso, não perde roupas sem usar achando que ainda não servem.

Não desanimem não, minha gente!! É bão demais!!! rsrsrs!

Outros "updates":
* A Naninha está uma danada de uma conversadeira...ela grita, ri alto e está ensaiando umas gargalhadinhas apaixonantes!
* O Dedé deu pra inventar palavras que não existem e ficar me enganando. Por exemplo: ele diz que quer: "abudaba" e eu fico um tempão tentando adivinhar "vc quer água? goiaba? abacate? etc." até que finalmente digo que não estou entendendo. Ele morre de rir e diz "é conversa de maluco, mamãe"....rsrsrsrs!
* Foto só da segundinha dessa vez....A moreninha-jabuticaba-gatinha-princesona-mais-gostosa-da-mamãe! (está ficando careca...tadinha! rs!)


17

terça-feira, julho 20, 2010


O segundinho...

Esse post é dedicado à todas as mamães que estão esperando o segundinho (ou tentando ou planejando ou começando a pensar no assunto....)

Em primeiro lugar uma dica inspirada no que aconteceu aqui em casa - SEMPRE, SEEEEEEEEEEEEEEEMPRE deixe leite armazenado pro recém-nascido, desde o primeiro dia dele em casa. Claro que todas as mamães, as que trabalham e as que não trabalham, dedicam-se exclusivamente ao bebê nos primeiros meses, mas com um filho mais velho você pode precisar se ausentar de repente.
Aqui em casa foi assim: André teve sintusite, otite, alergia e milhões de coisas depois que a Nana nasceu, até que um belo dia ele começa a reclamar de frio, pede colo e de uma hora pra outra fica molinho de tudo no meu colo...ligo pro pediatra que me manda correr pro pronto-socorro (ele chegou lá com 39,8 de febre). E aí? A Nana tinha apenas 15 dias. Eu não tinha leite armazenado e não podia levá-la junto ao pronto socorro tão novinha...e não tinha tempo pra tirar leite e tal. A única solução foi correr esterelizar uma mamadeira e deixar uma lata de Nan. É claro que uma vez assim não prejudica a amamentação, maaaaaaaas fica aqui a dica!

Além da dica, vou contar um pouco como é a vida com dois:

- Sabe aquele momento de descanso, quando o papai chega em casa, você deixa o bebê com ele e vai tomar um banho demorado? Então, ACABOU!
- Sabe aquele revezamento básico na hora das refeições, um segura o bebê pro outro comer e depois troca? Então, ACABOU!
- Sabe aquela noite mal dormida que você tira par ou ímpar com o marido pra ver quem levanta? Então, ACABOU!
- Sabe a manhã de domingo, quando o papai leva o bebê pra padaria comprar pãozinho fresquinho e deixa a mamãe dormir mais uma meia horinha? Então, ACABOU!
- Sabe aquela dormidinha à tarde, aproveitando que o recém-nascido dormiu?? Então, ACABOU!
ACABOU, minha gente! Os dois estão ocupados sempre, um filho pra cada adulto. Juro não entendo como as pessoas procedem com mais de dois filhos, não entendoooooooo!

E eu que fico sozinha com os dois durante o dia, sem babá pra ajudar, às vezes fico enrolada na parte operacional....tipo, espero a Nana dormir pra dar banho no André e ela acorda no meio do banho. Um frio danado, não posso deixá-lo brincando na água enquanto pego a Nana e não consigo deixá-la chorando...aí saio correndo do banho, coloco a Nana no carrinho e fico conversando e cantando (e torcendo, implorando e fazendo promessas...rs!) pra ela parar de chorar enquanto enxugo e visto a roupinha nele.
Pior é quando o marido fica preso no trabalho e não chega a tempo de me ajudar a colocá-los pra dormir...André invariavelmente fica chorão de sono, a Nana não dorme com o barulho dele, ele não dorme sozinho sem abraçar a mamãe (adooooooooooro! rs!) e então ninguém dorme. Essa semana inventei uma brincadeira de vaca amarela pra ele ficar MUDO até a Nana dormir....assim que ela dormiu, coloquei no berço e corri pra deitar com ele, foi tempo de ele dormir pra ela acordar de novo....mas aí ele já tinha embalado e eu fiquei SÓ* com ela
Justificar
* Só com ela é até meio bizarro, mas como tudo é referência nessa vida, às vezes me pego pensando que só um recém-nascido nem dá quase trabalho e não entendo como eu ficava tão cansada só com o André, já que podia descansar quando ele dormia...rsrsrs!

Enfim, é PUNK! Às vezes tenho vontade de chorar de tanto cansaço...e hoje é um desses dias. O André tá dodóizinho, manhoso, chorão e nesses dias ele não entende que eu tenho que amamentar, trocar fralda e dar banho na Nana...quer a mamãe só pra ele e faz escândalos. Até que eu surtei e tive uma crise de choro.

Maaaaaaaaaaaaas, como tudo tem dois lados:

- É incrível ver a interação dos dois, o olhar apaixonado da Nana pro irmão, as gargalhadinhas que ela dá pra ele, a conversinha dele com ela.
- Outro dia uma amiga disse que ia levar a Nana embora e ele respondeu que a Nana era dele e morava na casa dele.
- Ele diz que a Nana é princesa, que gosta muito dela e que é a "imãzinha" dele.
- Eu olho pros dois juntos e me sinto a pessoa mais feliz do mundo pela minha família linda.
- E cada vez que o André me pede se pode fazer carinho nela, meu coração quase derrete.

E daqui um tempinho ela vai estar mais independente e eles vão brincar muito juntos, a idade é próxima e terão os mesmos interesses. E se tudo der certo, serão grandes amigos.
Agora o André ainda é pequenininho, mas já está aprendendo a dividir, aprendendo que não tem a mamãe e o papai só pra ele, aprendendo que as coisas nem sempre acontecem exatamente na hora que ele quer, aprendendo a ceder, aprendendo a dividir os brinquedos e a atenção, aprendendo a respeitar as necessidades da irmã, aprendendo a lidar com novas frustrações e, especialmente, aprendendo a amar mais uma pessoinha!

Pra concluir: TODO O CANSAÇO VALE A PENA, É A COISA MAIS DELICIOSA DO MUNDO INTEIRINHO!!!!

(a foto está tortíssima porque eu tirei sozinha com o meu celular, mas vejam o tamanho da fofurice desse menino assistindo cocoricó fazendo cafuné na Nanoca!!!)

26

segunda-feira, julho 19, 2010


Sorteio

Seguinte: nós compramos o filme Toy Story pro André (que está surtado com o Woody que ganhou de aniversário! rs!) e ganhamos 2 ingressos para assistir Toy Story 3.
Só que nós não temos a menor condição de ir. Primeiro porque a pequena ainda é muito pequetica e também porque o André ainda não aguenta tanto tempo sentado quietinho. E não queremos deixar os dois...rsrsrs!
Entonces eu decidi sortear os ingressos para vocês, queridas e amadas!
Se quiser concorrer aos ingressos é só deixar um comentário aqui nesse post dizendo o quanto você me ama! rsrsrs! Brincadeirinha, é só deixar um comentário dizendo que quer participar.

Vou fazer o sorteio no domingo, dia 25/07 e já pretendo colocar no correio no dia seguinte.

Só pra esclarecer, os ingressos são válidos de segunda à quinta feira, exceto feriados , até dia 05 de setembro e não vale para salas 3D!!!! (ou seja, nem é graaaaaaaaaaande coisa! hehehe)
7

quarta-feira, julho 14, 2010


Só nós dois

Desde a "chegada" da Nana, eu tenho achado que o André está sentindo a minha falta. Claro que eu tento estar o mais presente possível, e tentei manter a mesma rotina com ele...eu que dou jantar, banho, coloco pra dormir...mas ainda assim, as coisas mudaram - agora ele não tem mais 100% de mamãe, tem que dividir com a Nana.
E ele é bebê também e justamente pela pouca idade eu acho que ele está lidando super bem com a situação, sempre entende quando eu preciso amamentar, quando ela está chorando, me ajuda no banho, pega a fraldinha pra trocar e tal...só que ele sente. Algumas vezes, quando ela chora um pouco mais ou demora a pegar no sono, ele fica ao meu lado o tempo todo e diz: "mamãe, põe a Nana dumi e fica com o Dedé". Nossa...nem preciso dizer quantas vezes chorei ao ouvir isso...fico me culpando, achando que não estou dando atenção...Embora racionalmente eu ache bom que ele aprenda a dividir, fico emocionalmente abaladíssima.
E dividindo (leia-se chorando aos prantos) com o marido a minha agonia, ele sugeriu que eu fizesse um programa só com André, além do tradicional parquinho do condomínio de todas as manhãs...e então decidi levá-lo ao teatro.
Eu não tenho babá, o que torna tudo um pouco mais complexo, mas armei todo um esquema - deixei a Nana na casa da minha super cunhada, segui a indicação da Pati e da Letícia e levei o molequinho pra assistir "100 mais nem menos" no Teatro Folha. Foi uma delícia, ele AMOU. Riu, bateu palmas, dançou -curtiu muito mesmo. Quando estavamos indo embora ele disse: "téio vê o piato di novo (quero ver o teatro de novo)". rs!
Sentamos na primeira fileira e então ele pode ficar em pé e dançar junto, muito bonitinho. Ao final, quando todo mundo estava batendo palmas, ele virou pra trás e ficou olhando e rindo, depois começou a gritar: "Dedé, Dedé, Dedé"....ele tem certeza que todo o teatro estava batendo palmas pra ele. Mais tarde perguntei se ele havia gostado do teatro e ele disse que teve "parabéns pro Dedé". rs!
E à noite, quando contou pro papai como foi o passeio ele disse: "só o Dedé foi com a mamãe, a Nana ficou na titia". E eu fiquei felizinha que ele "sentiu" que era esse mesmo o intuito!

(eu não tinha comprado pipoca para o molequinho, pois tinha levado biscoitinhos e suquinho de casa, mas depois de ele pedir pipoca para umas 3 crianças diferentes e ao constatar que a menininha que sentou ao nosso lado não teria paz com sua pipoca, fui obrigada a ceder e comprar uma pra ele!!! rs!)
19

segunda-feira, julho 12, 2010


Festinha



A festinha verde e amarela do Dedé foi um SUCESSO! Eu já tinha comprado tudo e enfeitei a casa mesmo assim...a única alteração foi roupa do Dedé - ele ia vestir Brasil, mas o papai disse que como não tinha Brasil pra torcer, então que ele vestisse Flamengo, e assim foi...rs!
Eu AMEI fazer a festinha em casa, curtimos cada etapa: enfeitar a casa, arrumar as coisas, receber pessoas queridas, toda família reunida e feliz. O André ADOROU! Brincou o dia inteiro, jogou bola, correu na grama, se divertiu horrores, comeu brigadeiro, uma delícia...passou o dia inteirinho sem dar nenhum resmunguinho ou chorinho, e simplesmente AMOU o momento, depois do "parabéns", quando todo mundo ficou gritando "Dedé, Dedé, Dedé".
Hoje de manhã eu perguntei se ele tinha gostado da festinha e ele respondeu: "todo mundo falou "Dedé, Dedé, Dedé"...hahaha
Foi incrível! E eu fiquei feliz demais com a comemoração verde e amarela, mesmo sem o Brasil na final.

Outro assunto: agora que está de férias na escolinha, ele decidiu que não vai mais dormir à tarde (isso que ele costuma dormir cerca de 2 horas ou 2 horas e meia). 'Não há nada que o faça mudar de idéia, ele fica cansado, chorão e caindo de sono, mas não se entrega. Muitas vezes ele pega no sono com o "mamá" da tarde, mas ele já se ligou e então só aceita mamar se for em pé, pra não correr o risco de pegar no sono sem querer...é mole??

Mais um assunto: estou deixando o André "brincar" com o penico (ou privadinha, como ele gosta de falar...). Deixo ele sentar um pouquinho todos os dias, ele gosta, fala que vai fazer xixi e cocô, que é grandão e tal...mas nunca havia feito nada. Até que ontem fez o primeiro xixi lá e eu fiz tanta festa que ele se empolgou total e hoje já fez de novo. Tá um moço esse menino!!

Último assunto: Nana-gorducha-princesa-mais-linda-do-mundo se comportou como uma princesa ontem...dormiu, distriuiu sorrisos de linguinha pra fora, ganhou beijos, carinhos e muito colinho. Ela é MUITO BOAZINHA!

E por hoje é só! That's all, folks!

*ah, mais uma coisinha: eu e a tchurminha não saimos na matéria da Veja, sei lá eu porque...vieram tirar fotos e tudo mais, me ligaram na quinta pra confirmar umas informações, mas depois me excluiram...rsrsrs! Vai entender...Justificar
16

segunda-feira, julho 05, 2010


2 anos

"Meu anjinho,
Hoje é seu aniversário de 2 anos e, obviamente, a mamãe já está emocionada há mais de uma semana, pensando em tudo que já vivemos juntos. Você já passou por tantas fases, umas mais fáceis e deliciosas, outras mais complicadas e eu encho a boca pra dizer que eu estive 100% presente em todas elas.
Em cada um dos obstáculos, eu e seu pai sentamos e conversamos e decidimos como agir. Algumas vezes não conseguimos chegar a conclusão nenhuma e sem saber o que era o certo, tentavamos o nosso melhor...e o nosso melhor tem funcionado bem porque você é um menino doce, simpático, alegre e educado.
A fase do "não" chegou pra valer e também algumas birras, geralmente quando você está com soninho ou muito cansado e algumas vezes nós perdemos a paciência com você, mas pode ter certeza que cada vez que isso aconteceu doeu mais na gente do que em você. Eu não me canso de repetir que você merece uma mãe que não perca a paciência nunca, porque você é um anjinho, mas como toda criança, testa os limites! Só que essa mãe, essa que não perde a paciência nunca e consegue sempre ser doce, calma e serena, ela não existe...o que existe é essa sua mãezinha aqui, que muitas vezes erra, mas sempre tenta fazer melhor no dia seguinte, que te pede desculpas quando exagera e que te ama mais do que tudo no mundo.
Você é o menino mais lindo que eu já vi em toda minha vida. Quando eu te digo que você é a criatura mais linda do planeta, você completa dizendo "planeta da terra" e eu morro de rir.
Eu queria congelar você nos 2 anos por mais alguns anos porque essa sua fase é apaixonante. Você fala, conta histórias, conta tudo que fez na escolinha, repete tudo que falamos, fala as coisas mais divertidas do mundo, me chama de mamãezinha linda, fala que o papai é seu amigão e que a Nana é sua irmãzinha. Você dança do jeitinho mais lindo e engraçado do mundo, corre, pula, joga bola e sempre faz gol (mesmo quando joga com as mãos dentro da cesta de basquete, é gol que vc faz), gira até ficar tonto e então olha pra mim e fala "to tonto" quase que gargalhando. Você é apaixonado por motos (essa paixão faz brilhar os olhinhos do seu pai) e tem várias delas, de todas as cores. Ontem mesmo você me disse que moto é muito mais legal que "tainho" (carrinho)!! Todos os dias pela manhã, antes do papai ir trabalhar, você pede pra dar uma "vótinha na moto" e o papai te leva todo orgulhoso (aliás, essa voltinha de moto é o que te faz deixar cortar as suas unhas toda semana...rsrsrs)!
Ontem de manhã você ganhou uma cabaninha do Cocoricó e, junto com a mamãe, cantou parabéns para cada um dos moradores da Cabana (demos seu presente um dia antes porque o papai queria aproveitar com você). Foram uns 10 "parabéns pra você" que cantamos juntos e mais tarde deitamos juntos no chão da casinha para olhar o teto e você me abraçou bem forte e ficou fazendo carinho no meu cabelo. Você é tão carinhoso que o meu coração fica molinho de tanto amor.
Ultimamente você está com mania de falar que está dodói só pra ganhar beijo e a mamãe já te explicou um milhão de vezes que você não precisa falar que está dodói, que é só pedir o beijo que a mamãe dá, mas não adianta...vc prefere dizer que está dodói e eu começo a dar beijo e vc fala que o corpo todo dói só pra ganhar mais e mais beijo. É muita fofurice ou não é???
E eu estou contando tudo isso para que um dia você fique sabendo de todas essas fofurices dos seus dois aninhos e possa ter uma mínima noção do tanto de alegria que você traz para as nossas vidas todos os dias!
Te amo muito, meu anjinho. Desejo que o seu dia seja muito especial e divertido que você seja sempre esse molequinho alegre, saudável, feliz e tagarela que é hoje.
Um beijo enorme da mamãezinha!

* Filho, a mamãe programou uma festinha verde e amarela pra comemorar seu aniversário junto com a final da Copa. Só que o Brasil não chegou na final e os enfeitinhos já estão todos comprados, então a mamãe decidiu que vai enfeitar mesmo assim e continuar no clima de futebol. E no dia que você, já grandinho, for mostrar as fotos do seu aniversário de 2 aninhos pra alguém, você diz que a sua mamãe era muito otimista por ter comprado tudo com tanta antecedência. Maluca não, otimista, tá? rsrsrs!"
28

quinta-feira, julho 01, 2010


Veja bem!

Eu e a tchurminha participamos de uma matéria para a revista Veja, que será publicada na edição desse final de semana.
A matéria é sobre mamães que não trabalham (bom, dizer que não trabalhamos é "uó", né? rs!) e cuidam das crianças em tempo integral! Vai ter até foto da mamy aqui com os pimpolhos (vocês não imaginam a vergonha da pessoa quando o fotógrafo começou a montar maior equipamento aqui no parquinho do meu condomínio pra fazer a foto!!! hahahaha).
Bom, ao que tudo indica vai ser uma matéria bem bacana!

beijocas, bom jogo e bom final de semana!

*continuamos todos na torcida pelo sucesso da festinha verde e amarela do Dedé!!

** ele aprendeu a dizer que o aniversário dele é "5 de julho", e então quando eu falei pra ele contar pro papai qual era o dia do aniversário dele, ele disse "é 5 de julho, papai...Júlio do cocoricó"... (julho = júlio...rsrsrs!)

GENTEEEEEEEEEEEEE, A MATÉRIA NÃO SAIU ESSA SEMANA NÃOOOO! AVISO VOCÊS QUANDO SAIR, OK????
14