terça-feira, maio 04, 2010


O outro lado

Meninas,
Depois do post anterior e de tantos elogios que recebi de vocês, fiquei me achando uma FARSA!
Passei a impressão de que sou um poço de serenidade e na verdade não é bem assim! Realmente tenho conseguido me manter tranquila mesmo em meio a todo o caos. Só um recém nascido mais um bebê de 1 ano e 10 meses já seria caos suficiente pra uma pessoa só, os dois gripados ao mesmo tempo é um caos mega master, então nessas condições estou calma mesmo.
Isso não quer dizer que eu não tenha os meus momentos de fraqueza, por exemplo:
- chorei horrores quando me dei conta que a pequena estava gripada. Aquela coisa toda de mãe, me senti culpada, achei que poderia ter evitado não deixando o André tão perto dela, que não tomei cuidado o suficiente, que meu leite não estava "transmitindo" os anticorpos necessários e um monte de baboseiras capazes de surgir em uma cabeça cansada.
- outro dia o André deu um piti (birra+sono) e eu tive outra crise, achando que não sei lidar com ele, bla, bla, bla.
- ontem foi o primeiro dia que fiquei sozinha com os dois (as férias do maridão acabaram) e a hora de dormir foi um sufoco. André morrendo de sono, mas elétrico. Nana com cólica berrando de dor. André ficou nervoso com o choro e não queria deitar (obviamente). Eu tentando acalmar a pequena e colocá-la pra dormir e o André fazendo um barulho equivalente a 100 pessoas. Resultado: não consegui. Maridão chegou mais de 21h e eu estava lá que nem doida tentando acalmar pelo menos um dos dois. Então papai assumiu a boneca e eu fui deitar com o meninão, que dormiu em 10 segundos (já que tinha atenção exclusiva). Quando fui deitar, parecia que tinha tomado uma surra de tão dolorida que estava (acho que de tensão).
- E agora mesmo tive outra crise: a febre do André, que já tinha passado, voltou com força total.

Ou seja, tranquila pero no mucho! Ou melhor, tranquila, dentro do possível!! rsrsrs!

E meninas, muito pensamento positivo pro Dedé melhorar logo e pra não passar (o que quer que seja) pra Nanoca!
12

12 comentários:

Dani disse...

Rê, não sei se vai te tranquilizar, mas depois que Nina entrou na escola, ela vive uma gripe eterna. Febre quase toda semana, nariz escorrendo, tosse e cia. A pediatra disse que vai ser assim mesmo. Ai, mas dá um nervous, né!
Não vai ser nada com o André não, viu! Tô aqui na torcida e fazendo reza braba para passar logo!
Ah...te elogiei porque, sinceramente, penso isso mesmo. Você é uma ótima mãe e credito isso à sua personalidade, seu otimismo e sua força. Não é prá qualquer um não, amiga, dar conta de dois, assim, desse jeito que você nos conta. Você não é uma farsa! Te proibo de dizer isso de novo, viu!
Respira que tudo vai continuar bem.
Beijo e muita força!
Dani

Flavia disse...

Poxa gata!
Normalíssimo, né?
Vocês estão ainda se encontrando como família, o André como irmão, vocês como pais de dois e a Nana como pessoinha.
Tranquilidade é o segredo, sim! Mesmo não querendo dizer que você estará zen, 100% e o tempo todo.
Acho que um outro segredo importante é mandar a culpa passear, pensar que ela não cabe nesse momento, na tua vida. Porque no final das contas ela não traz nenhum beneficio (somente o contrario).
Você vai ver que daqui a pouco, vocês vão encontrando a rotinhinha ideal de vocês e tudo vai ficar ainda mais lindo.

muitos beijos.


Fla

Fabi disse...

Farsa? Fala sério Rê!

Todo santo dia eu leio varios blogs de mães que contam seu dia a dia. Tem as que preferem relatar só a doçura da maternidade, tem as que fazem pouco caso da própria situação quase trágica, tem as que são mais pé no chão e falam dos percalços, enfim tem pra todos os gostos. E eu acredito que toda mãe que lê o blog de outra, sabe muito bem como ela se sente com estas coisas do dia a dia com os filhos.
E todas sabemos que existem momentos deliciosos e existem momentos difíceis. Então relaxa. Tenho certeza que todas te entenderam!
Estou na torcida e mandando boas vibrações para o Dedé ficar bom logo!
Bjocas

Sonica disse...

Renata,
quando chega um novo bebê, é assim mesmo, igual em todas as famílias com mais de um filhinho, mudam só os endereços!
Essas "gripes de escolinha" logo se normalizam; continue escutando seu coração, como vc vem fazendo, que a solução aparece. Tranquilize-se e procure tirar uma sonequinha assim que a nenê nanar!
Beijinhos,

Journal de Béatrice disse...

Re!!
To acomapanhando tudo aqui! Ja falei uma vez aqui que ja ja iremos encomendar o segundo e vc esta me ensinado um monte com o seu blog. Assim vou me preparando para os dias mais conturbados...
Quando chega o primeiro filho em casa, é uma revolução, temos que nos adaptar e a inexperiência, as vezes, nos leva a uma sensação de impotencia. Acho q com o segundo, temos mais pratica no trato com o bebe, entendemos melhor os chorinhos... Mas, por outro lado, temos a inexperiencia de "coordenar" duas crianças em casa! Tudo vai entrar nos eixos! E o mais importante é vc encontrar a serenidade no seu "eu" para levar as coisas da melhor forma possivel!
Melhoras pro Dede e boas energias pra vc!! Bisous, bisoussss

Paloma, a mãe disse...

Re, é assim mesmo. Vc ser/ estar tranquila não quer dizer que o seja 100% do tempo. Afinal, quem não se desesperaria um pouco com esta situação? de doenças e pouco sono Mas vc está mantendo o controle e a calma na maior parte do tempo e isso é louvável.
E a Ciça, menina, desde que mudou para Brasília vive cheia de catarro e febres que vão e vêm. Em SP não era ssim, mas aqui tá fogo. Dizem que quem chega de fora demora a se adaptar a este clima desértico... E a irmã chega no auge da seca (agosto), imagina só.
Beijos e melhoras.

piscardeolhos disse...

Querida, vc não é uma farsa!! (é a ocitocina que as vezes deixa a gente meio emotiva e lelé :)
Olha só, as doencinhas de escola são assim mesmo, com vc bem sabe. Mas, com o tempo, o sistema imunológico deles vai se aperfeiçoando. Noah está na escola há 6 meses e eu já sinto uma redução nas "viroses".
Posso dar um pitaquinho: já que a tosse é uma das partes mais pavorosas, que não deixam os pequenos dormirem eu resolvi atacar da seguinte forma: soro no nariz, muitas vezes ao dia. Aplico em casa e peço que apliquem na escola, pelo menos 3x. A noite aplico novamente. Assim eles espirram, o catarro sai e não desce pra garganta na hora em que eles deitam. As tosses desapareceram.
Soro no nariz é tudo tudo tudo. Mas não pode ser uma ou duas vezes só.
Como meu pediatra é meio hippy e não é de receitar muita medicação ele, no máximo, receita um xarope fitoterápico, pra quando Noah não consegue dormir por conta da tosse. Mas graças ao santo soro, isso não tem sido necessário.
Mas se vc quiser saber o nome do xarope, para perguntar pro seu médico é só me mandar um email, tá bom, Re?
Fica tranquila (o que vc já é de sobra) que essa fase vai passar. Sempre converso com mães que têm filho na escola e um baby em casa e é sempre essa mesma estória: um pega, o outro também. Porque irmão que é unida, permanece unido, mesmo na zicq...
beijo!

Sarah disse...

Oi Renata!
Imagina, que farsa que nada!! Vc é uma heroína para muitas mães, com 2 filhotes pequenos e se virando muito bem! Até visualizei a cena, vc tentando fazer o André dormir com a Mariana no colo... Só tenho o Bento por enquanto, mas imagino como é atribulada e cansativa a vida de mãe de 2 (ou mais). Acompanho seus posts e acho que está tudo indo muito bem! Essa febre do André vai passar logo, com certeza... Talvez seja apenas uma adaptação inicial dele a tantas novidades (chegada da irmãzinha, perda da exclusividade...).
Um beijo querida!

Dê Freitas disse...

O que é isso Rê? Isso não faz de você uma não merecedora desse monte de elogios que você recebeu. Reforço os meus parabéns sim!

Bjs,

Kryx disse...

Ai, amiga... Que a força esteja com você!

Letícia Volponi disse...

Ai, menina, que medo... santa serenidade para dar conta do recado, hein?

Cynthia disse...

Nossa nem imagino como será a 1ª febre, 1º resfriado, minha Paola já ta com 1 mes e 8 dias, só sei sobre gases e colicas mas depois piora né kkkk E seus gatos? Os meus respeitam o spaço dela, não entram no berço nem no carrinho (só na parte de baixo) mas a poltrona de amamentar é mais deles do que minha kkk

Bjs Cy