segunda-feira, agosto 31, 2009


Paciência...

Ê assunto delicado...

Eu sou super tranquila com o André, tenho uma paciência quase infinita e acho que devo ter perdido a paciência no máximo umas duas vezes nesse 1 ano e (quase) 2 meses do meu filhote. E sempre tentando fazê-lo dormir, porque é o momento que ele faz birra!
Na primeira vez foi assim: Eu estava há umas duas horas tentando colocá-lo pra dormir, ele morrendo de sono com o olho coçando, vermelho, quase dormindo...só que ele não se entrega, ele começa a fazer "brrrrrrrrrrr", a me bater (muito forte) na cara, a me chutar pra descer do colo, etc. Aí eu converso, digo que está na hora de dormir, que a mamãe está com ele no colo fazendo carinho...e continua tudo igual, então tento colocar no berço, ele chora enlouquecidamente, aí pego no colo de novo e a birra toda recomeça...Até que eu perco a paciência - coloquei o André sentado no sofá e disse: "Agora chega, cansei! Nem adianta querer dormir que eu não vou deixar, agora nós vamos brincar".
(super adulto, não?? rsrsrs!)

Eu não gritei, não falei alto, não foi uma explosão, só uma frase sem nexo em um tom um pouco mais rude do que o habitual! E qual o resultado: dez minutos depois estava eu chorando e dizendo: "filho, desculpa...você não tem culpa de não saber como adormecer e a mamãe não pode perder a paciência...desculpa".
Ai que molenga! Mas enfim, o fato é que eu acho isso mesmo, que eu não posso perder a paciência, que tenho que ensinar, conversar, e tentar incessantemente!

A nova moda agora é que ele não deixa mais trocar a fralda. Ele começa a chorar e a virar! E não tem como segurar, pq ele é forte, vira mesmo e quer sair do trocador (ou da cama, ou do sofá...). Se a gente tentasse segurar iria machucá-lo de tanta força que ele faz pra virar. Ele vai embora mesmo, algumas vezes espalhando cocô pelo caminho!
É enlouquecedor. Eu converso, explico que é só trocar a fralda rapidinho pra ele ficar sempre limpinho. Falo que se ele ajudar vai ser ainda mais rapidinho, peço pra ele ajudar a mamãe...e nada! Ele não quer me ajudar e não quer trocar a fralda.
Aí eu mudo de tática, tento distrair, dar brinquedos, beijar a barriguinha e até trocar com a TV ligada já tentei....e nada! Ele continua não me ajudando e não deixando trocar a fralda.
E na sexta-feira eu perdi a paciência...e em mais uma frase super consciente e cheia de maturidade disse: "quer saber, eu vou deixar você assim o dia todo e você vai ficar todo assado"

E aí sofri de novo, fiquei mal de novo, chorei de novo (tudo bem que agora grávida, chorar é uma coisa que acontece quase todos os dias!!!). Eu fico mal mesmo, não me permito não ter paciência, afinal ele é meu filho, ele é bebê e ele precisa que eu tenha paciência pra ensinar as coisas pra ele!

Por mais paciente, calma e tranquila que qualquer pessoa seja, acho normal que de vez em quando perca a paciência. Seja no trabalho, seja em casa, seja com a mãe, com o marido, com uma amiga...por que não com o filho? Justificar
Acho normal, acho que faz parte e que acontece nas melhores famílias. Só que eu só acho normal com os outros e não comigo. Afinal eu tenho que ser 100% perfeita em 100% do tempo, claro! Ai, ai, ai...essas mães neuróticas....

* e esse foi mais um post da série desabafo...
22

sexta-feira, agosto 28, 2009



Demorei, mas aqui está o selinho fofo que eu ganhei da Mãe do Pitoco.
Super obrigada, querida!

Regras:
- dar o selo a 5 blogs,
- avisar no blog escolhido
- comentar o blog de quem deu o selinho
- responder às seguintes questões:

1-um amor: minha família
2-uma dor: hoje tô com dor de cabeça de taaaaaaaaaaaaaanto sono!
3-uma cor: verde
4-um sonho: ficar bem velhinha ao lado do maridão e juntos vermos os nossos filhotes crescerem saudáveis e felizes
5-um desejo: viajar o mundo
6-uma música: o Rio - Marisa Monte (canto todo dia pro pequeno dormir!)
7-um amigo(a): meu marido
8-uma frase: "A mente domina o corpo" - adoro e acredito...to fazendo de tudo para meu corpo acreditar que 5 horas de sono por dia são suficientes...rs!

Bloguitos indicados:
Déa e as lãs
Cinthya e seus pensamentos insanos
Kryx - a abelha
Dani - a sogra do meu filho
Isa motherholic
3

sábado, agosto 22, 2009


Reapresentando...

Blog de cara nova, agora sim com todos os meus gatos presentes, merece reapresentação:

Lilata: Obviamente, sou eu!!! Eu devia ter uns 10 anos e a filhinha da moça que trabalhava na minha casa de praia tinha uns 4. Ela não sabia falar meu nome direito e todos os dias de manhã ela me acordava berrando: "O Lilata, vamo bincá?" Eu eu odiavaaaaaaaaaa! Aí meu irmão começou a me chamar de Lilata também pra me irritar, mas aos poucos deixou de me irritar e eu passei a incorporar o apelido. Hoje eu adoro! :-))

Os gatos:

Gato 1 - o maridão: está comigo há 7 anos. É lindo, inteligente, carinhoso, cheio de qualidades incríveis. É uma das pessoas que eu mais admiro no mundo e o melhor de tudo - é apaixonado por mim e não mede esforços pra me ver sempre feliz.

Gato 2 - Cheddar: está comigo há 5 anos. É bonzinho, carinhoso e carentão, ele vive pedindo colo e se esfrega todo na gente, um doce. É mimado, mia pra pedir comida, pra pedir água, pra pedir colo, mia pra tudo...mas a mamãe sai correndo e faz as vontades, né? Então não dá nem pra brigar. Ele tem certeza que ele está acima de mim na hierarquia da casa.

Gato 3 - Ricota: também está comigo há 5 anos. É muito, muito, muito princesa. Não faz nada errado, é super boazinha e me ama mais que tudo na vidinha dela. Se ela puder, passa o dia inteirinho no meu colo. Dorme a noite inteirinha em cima de mim, não ao lado e nem perto, em cima mesmo.

Gato 4 - André: está comigo há 1 ano e 1 mês. É lindo, fofo, gostoso e cheiroso. É o bebê mais lindo e inteligente do planeta inteiro (rsrsrs!) e me faz sentir a mais amada das criaturas. Em pouquíssimo tempo arrebatou meu coração e me fez ser todinha dele.

Gato 5 - ainda não tem nome, nem sexo definido, mas já tem um coraçãozinho batendo aqui dentro de mim e o meu coração explodindo de amor por ele. Como pode a gente já amar tanto uma criaturinha tão minusculinha??

É isso: tô grávida de novo! rs!
A maioria me chama de doida, mas tomamos essa decisão pensando em quanto seria gostoso para os pequenos crescerem juntos e terem, desde sempre, alguém pra dividir a vida e compartilhar todos os momentos, então só posso desejar que eles sejam sempre muito amigos e que possam sempre contar um com o outro!
Sei que vai ser uma trabalheira incrível um recém-nascido e mais um molequinho de 1 ano e 10 meses correndo pela casa...mas também tenho certeza que vai ser uma delícia.
Eu e todos os meus gatos estamos explodindo de felicidade. E eu, já comecei tudo de novo: Eca de chocolate, muito mais choro do que o habitual, 648 xixis por dia, sono absurdo e muita, muita, muita alegria por ser tão abençoada mais uma vez na minha vida!

* meninas, muuuuuuuuuuuito obrigada por todas as dicas sobre o sono. Vou testar introduzir uma rotininha bacana e mais uma caminha no quarto dele. Até porque agora eu não posso meeeeeeeeesmo ficar andando com ele no colo, né gente?? Final de semana eu aproveito o papai, mas amanhã mesmo já vou colocar o colchãozinho no chão e começar pra valer. Depois eu conto como anda o progresso. Muito, muito, muito obrigada mesmo!!!!
38

quinta-feira, agosto 20, 2009


Ajuda - hora do sono

Queridas e queridos,

Por favor, me respondam uma coisa: COMO É QUE VC COLOCA O SEU FILHO PRA DORMIR??

Quero saber como é que seu filho pega no sono! Isso porque o André só adormece no colo, andando pra lá e pra cá. Tem que ser em pé, não posso nem sentar...

Só que ele está muito pesado e eu não estou mais aguentando!!! Já tentei fazê-lo adormecer no próprio berço e nada, já tentei sentar com ele no colo na cadeira de balanço, já tentei tanta coisa...mas ele não dorme. Só dorme depois que eu pego no colo e balanço ou saio andando pela casa que nem doida e ainda assim costuma demorar quase uma hora.

Nessa brincadeira já tirei os dois joelhos do lugar...e estou fazendo fisioterapia.

Depois que ele pega no sono, ele dorme bem e bastante...mas fazê-lo adormecer é beeeeeeem difícil!

Please, me contem como dorme o filhote de vocês e me mandem qualquer dica, opinião ou ajuda!!!
(já adianto que deixar chorar no berço até acostumar a adormecer sozinho não é considerada uma opção válida...rs!)
16

quarta-feira, agosto 19, 2009


Em Brasília

Queridas,

Hoje queria dar uma dica para as amigas e leitoras de Brasília (acho um luxo falar leitoras...me sinto assim como a J.K. Rowling, com leitores fiéis pelo mundo...rsrsrs!).

Enfim, a dica que eu tenho pra passar é a QUITANDOCA!!!

A dona da quitanda é a Glau, uma amiga fofa que migrou de SP para Brasília e começou a fazer essas delícias. Tudo lindo, colorido, fofo, feito no maior capricho e com o maior carinho.
São ótimas opções para dar um presentinho super charmoso ou também para lembrancinhas de aniversário, nascimento, chás e etc.

Vale a pena dar uma olhadinha !

Eu não ganho nada pela propaganda, não...só estou dando a dica porque achei tudo incrível meeeeeeesmo. Se bem que ganhar um brigadeirinho não seria nada mal, né Glau??? hohoho!
9

sexta-feira, agosto 14, 2009


os passos

Gente,
O vídeo não ficou lá essas coisas porque eu estava sozinha em casa tentando apoiar a filmadora em algum lugar e ainda dar suporte para os passinhos do pequeno, mas já dá pra dar uma olhadinha.
Assim que eu tiver um vídeo melhor, eu coloco novamente!!!


18

terça-feira, agosto 11, 2009


Na casa dos meus primos...

tem uma poltroninha bacana pra eu assistir Cocoricó!!!

20

segunda-feira, agosto 10, 2009


A primeira quarta

A nossa primeira quarta-feira acabou virando quinta-feira. Tivemos um contratempo e o primeiro passeio foi adiado pra quinta.
Algumas meninas me perguntaram se foi romântico...e gente, foi muito romântico: assistimos Harry Potter, em 3D na sala IMAX! Mais romântico impossível, né??? hahahaha

O maridão é louco por HP e esse foi o único de todos os filmes que nós não assistimos na pré-estréia, então estávamos mais do que atrasados. Foi uma delícia - o André se comportou que nem um príncipe, dormiu direitinho (e Tks God acordou só no dia seguinte às 8h da manhã) e nós amamos o cineminha - o filme é incrível e tive direito a pipoca gigante e coca-cola normal!!!

Sei que foi tão gostoso, mas tão gostoso que na volta, com o vento batendo no meu rosto (pq fomos de moto) eu só conseguia pensar: "minha vida é boa demais". Porque gente, sem querer parecer brega ou piegas ou qq coisa do tipo, mas o que mais eu posso querer da minha vida, né?? Um bebê todo gostoso e saudável em casa, o maridão mais incrível do mundo, eu tendo o privilégio de ficar com o André em tempo integral e ainda poder sair de vez em quando pra curtir o maridão. Se melhorar, estraga!!!

E em resposta à pergunta da Flavia e da Thais: dessa vez nós nem falamos do André , mas só porque não dava pra falar no meio do filme, né? hihihihi. Só fiquei agoniada pq o filme não acabava nunca e eu não sabia se estava tudo bem em casa...mas me controlei e não liguei nem quando o filme acabou, já que combinei que ela me ligaria se precisasse. Acho que nas próximas vezes vou ficar mais relaxada...e o próximo programinha vai ser jantar romântico siiiiiiiiiiiiiim! rs!
12

sexta-feira, agosto 07, 2009


passinhos...

Logo mais eu volto pra contar como foi o primeiro passeio sem o pequeno...

Por enquanto só quero dizer que o meu lindo acabou de dar vááááários passinhos sozinhos!!!

Sim, foram os primeiros e eu estou aqui toda chorona e toda orgulhosa!!!
10

segunda-feira, agosto 03, 2009


Wonder Wed

Desde que o André nasceu, há 13 meses, eu posso contar nos dedos quantas vezes eu saí sem ele: foram 4 casamentos, acho que uns dois HH com as amigas e uma vez no meu aniversário, quando saí só com o maridão. E eu nunca me importei muito não, porque acho que cada coisa tem sua fase e eu estava na fase de curtir o meu pequeno, ficar com ele, colocar pra dormir todos os dias. E é claro que essas coisas continuam em primeiro lugar pra mim, porque eu gosto de estar presente em toda a rotina do pequeno, eu escolhi assim e sou feliz com essa escolha.
Só que de uns tempos pra cá comecei a sentir falta de um tempinho pra mim, de poder sair com o maridão de vez em quando, ir a um cineminha, ir jantar e bater um papo tranquilo...essas coisas que eram tão comum antes e que agora quase nunca conseguimos fazer.
Então decidimos que as quartas-feiras seriam nossas e combinei com a Meire que ela virá ficar com o André de oito até meia noite para que eu possater um tempinho pra curtir o maridão. Escolhemos quarta-feira porque a Meire tb tem a família dela e achei injusto pedir no final de semana. E o lado bom é que o André já está super acostumado com ela (ela vem todos os dias, fica sempre durante o dia quando eu preciso e ficou com ele para eu ir aos casamentos), dorme super bem com ela e ainda por cima, ela mora no meu prédio (é esposa do zelador), então não precisa dormir...pode ir pra casa assim que eu chegar.
Ela gostou porque ganhou um aumento de salário e eu gostei mais ainda porque estou super animadinha e parecendo criança fazendo programação de férias. Já fiz as minhas listas de uns 10 restaurantes que quero ir, uns 20 filmes no cinema, umas 4 peças de teatro...rsrsrs.

E como o maridão trabalha muuuuuuuuuuito e eventualmente vai ficar no escritório até tarde em algumas dessas quartas-feiras, também tenho o dia livre pra encontrar as amigas, portanto: amigas, me convidem, tá??? rsrsrs!
12

sábado, agosto 01, 2009


Aleitamento materno


Hoje começa a semana mundial do aleitamento materno, com o intuito de mostrar os benefícios do leite materno, bem como incentivar as mamães e futura mamães a esse ato de amor!

A querida Flávia, mãe do astronauta, reuniu histórias de amamentação e vai publicar uma por dia durante toda essa semana. Espero que todas as histórias sejam inspiradoras! Eu, particularmente, tenho várias amigas grávidas nesse momento, que eu espero que possam ter o prazer de viver essa experiência.

Aqui está o link para a minha historinha lá no blog do astronauta, com foto do Godolino mamando no seu primeiro dia de vida. Eu já disse lá tudo que eu gostaria, então só pra complementar quero dizer aqui que amamentar é uma delícia. Só quem passou por essa experiência é capaz de dizer o quanto é incrível ver aquele serzinho totalmente entregue, relaxado e felizinho mamando no conforto e segurança do colinho da mamãe.
4