terça-feira, novembro 25, 2008


Minha gineco e eu

Acompanhem o diálogo abaixo:

- querida gineco, eu emagreci super bem depois que o André nasceu, mas tenho notado que depois que comecei a tomar o anticoncepcional que vc me receitou, eu parei de emagrecer...
- é isso mesmo, essa pílula prejudica o processo de emagrecimento!!!

Dá pra imaginar como eu fiquei feliz, não?
Ela disse que não avisa de cara porque não acontece em 100% dos casos. E tadinha, ela está no papel dela, pq senão nenhuma mulher vai tomar a tal pílula, mas eu já parei de tomar HOJE e já vou marcar uma consulta pra ver algum método alternativo...


15

segunda-feira, novembro 24, 2008


Sábado à noite

E o maridão conseguiu me convencer de que não tinha nenhum problema sair com o André no sábado à noite. Nós tinhamos que ir ao shopping comprar 2 presentes e queria deixar pra ir no domingo, pq não gosto de sair com ele à noite, pra não atrapalhar a hora do sono dele...Acho que 19h é um bom horário pra estarmos todos em casa tranquilinhos antes da hora de dormir, pelo menos enquanto ele é pequenininho.
Gente, o moleque dorme 8/9 horas por noite quase toda noite, algumas vezes ainda acorda, mas dorme na maioria delas, o que já é uma benção...então não quero arriscar.
Mas o maridão me convenceu, disse que não tinha nenhum problema e que estaríamos em casa antes da hora dele dormir. E foi super rápido mesmo...compramos tudo em meia horinha e fomos embora a tempo de chegarmos em casa antes das 21h.
Até que chegamos no carro e o pneu estava no chão! Que delícia, né?? Aí maridão troca pneu, enquanto eu amamento no carro, e aí o carro fica abafado e eu saio pra dar uma volta no shopping, aí maridão termina, volta pro shopping pra validar estacionamento...um horror. Menos mal trocar dentro do shopping, em segurança, do que no meio da rua, mas mesmo assim foi um saco.
Chegamos em casa 22h, o molequinho mais irritado do que nunca, morrendo de sono e não conseguia dormir de jeito nenhum.

"Viu só lindo, não é pra sair com o bebê à noite!"

E o maridão disse que eu mal virei mãe e já comecei com as "pragas de mãe", do tipo mandar o filho levar um guarda chuva num puta dia de sol...o filho, É CLARO, não leva e, É CLARO, chove horrores...hehehe

7

quarta-feira, novembro 19, 2008


Eu não sou phyna!!!

Eu vi o post da Elise de hoje e me inspirei a fazer um sobre a minha pessoa.
Gente, eu não sou "phyna". Nem um pouco.
Eu acho lindo ver as pessoas que se arrumam, cabelo, unha, pele, tudo sempre impecável, mas eu não sou assim...
Adoro ver as diquinhas de moda da Elise, mas não ligo a mínima na hora de comprar. Aliás, em mim tem um pouco o efeito contrário: Odeio usar o que todo mundo usa, odeio usar o que está na moda e se a vendedora na loja me disser que "tá usando" ou que tal peça "é a que mais sai" é aí que eu não compro mesmo...
Vejam só como eu sou:
- Eu NUNCA seco o cabelo...lavo e pronto, deixo secar. Às vezes fica bom, às vezes não, mas é assim mesmo que vai ficar.
- Eu não uso maquiagem. nada, nem um batonzinho, rímel, nada. Exceção aos dias de casamento, quando seco o cabelo e faço uma maquiagenzinha básica.
- Eu faço as unhas pra não roer, como já disse no post anterior.
- Eu não uso cremes no corpo. Foi um sacrifício acostumar a usar o creme da barriga durante a gravidez.
- Eu não gosto de salto, uso sempre tênis, sapatilhas ou sandálias baixinhas.
- Eu não uso saias e nem vestidos (só na praia). Tô sempre de calça jeans, calça de tecido, vários modelos de calças.
- Não gosto de roupa justa, não uso nada P, nem quando estou bem magrinha...pra mim, tudo tem que ser um pouco larguinho, não gosto de nada "me pegando".
- Não uso acessórios, uso no máximo um brinquinho! Não consigo usar cinto, pulseiras, colares...e até de bolsa eu fujo quando dá!
- Odeio shopping. Quero morrer quando a única alternativa é shopping. Entro, compro o que preciso e saio em menos de meia hora.
- E sim, eu saio de havaianas na rua, vou de chinelo a qualquer lugar que eu precisar, mercado, farmácia, padaria e nem ligo.

Eu só cuido direirinho da minha pele do rosto, limpo, hidrato, protetor todos os dias e visitas regulares ao dermato...pq ela precisa, não é das melhores, muito branquinha e bem manchada!

E isso tudo não é agora por causa do André, eu sempre fui assim. Já disse aqui algumas vezes que meu apelido na faculdade era skate, por causas das minhas roupas descombinantes e por causa de um tênis que eu tinha. Na faculdade então eu era mais desencanada ainda...eu tomava banho à noite, e como morava longe, tinha que acordar 5h50 pra ir pra faculdade, então colocava qualquer roupa que via pela frente e ía...no frio eu costumava dizer que ia colocando roupa até passar o frio e saia...alguns amigos me diziam que eu ia de pijama...

Quero deixar claro que nunca fui hippie largadona não, eu estou sempre limpinha e cheirosinha. E se vcs me virem na rua vcs nem vão achar que eu sou uma esculhambada. É que eu sou assim mesmo...calça jeans, camiseta hering e all star funciona pra quase qualquer programa. Sou basiquinha! hehehe

E quando eu comecei a namorar o Dani e ele sempre disse que esse meu jeito desencanado era o que mais gostava em mim...e ainda é. (detalhe que aqui nesse casal, a mulher SEMPRE fica pronta antes...rs!)

Por fim, vale lembrar que ocasiões especiais merecem escova, maquiagem, salto alto e até unhas vermelhas...mas é raro, viu? rs!

* caraca, meus posts estão ficando muito grandes...os próximos serão menores, prometo! 
12

segunda-feira, novembro 17, 2008


váááários assuntos!

1- Fui ao cinema domingo, ou melhor o programa foi almoço + cinema, pra comemorar o aniversário de casamento (num domingo durante o dia - veja como o filho muda não só a rotina, mas tb as comemorações! rs!). O André ficou na casa do meu irmão e se comportou como um príncipe...mamou, brincou e dormiu 2 horinhas. Um anjinho.
Eu assisti 'Ensaio sobre a cegueira', que era o que eu mais queria ver. AMEI! No entanto, acho que é filme só pra quem já leu o livro (que é incrível), porque o filme não provoca todas as reflexões que o livro propõe! Eu gostei bastante!

2- Sábado a minha vó veio aqui visitar o André. E ela tem 87 anos e 8 bisnetos! Imagine só que loucura viver tanto a ponto de ter 8 bisnetos. Ela é louca pelo André e sonha com ele quase todas as noites. Ela é super lúcida e super moderninha, sabe?
Quando ela conheceu o Dani, ela me disse assim: "filha, não precisa casar não...tem logo um filho com ele que pelo menos vc garante um filho bonito...depois se não der certo, vc separa" hahaha
É que ela queria que eu tivesse filho logo, porque o sonho dela sempre foi "pegar o meu filho no colo". E ela tinha medo que não desse tempo.
E ela pegou o meu filho algumas vezes (ainda bem, pq era o meu sonho tb!), mas agora não consegue pegar pq ele é muito pesado...então eu coloco um pouquinho no colo dela e fico segurando pra ela. E depois faço ele fazer todas as gracinhas pra ela ver...e ele sempre ri muito pra ela! Eles se gostam!!! :-)))

3- Ontem o André virou (sabe? Estava deitadinho e aí vira de bruços)! Coisa mais fofa! Ele já estava tentando há um tempinho, mas não conseguia passar o ombrinho...e ficava super bravo (ou brabo??). Ontem ele conseguiu e, é claaaaaro, eu chorei. Achei tão lindo, foi uma conquista, né? Ele tentou, tentou, tentou e conseguiu. E ficou super felizinho, morrendo de rir depois de virar.
Só que agora a única coisa que ele quer fazer o dia todo é virar. No chão, no berço, no trocador!! Quer virar o tempo todo. Imaginem só como é fácil trocar a fralda do moleque tentando virar!!!

4- Tô me sentindo velha! Velha e em crise! Tenho 31 anos e ainda não sei o que eu quero ser quando crescer. Escolhi uma profissão que deu errado (pra quem não sabe eu sou uma ex-advogada, que nunca mais quer ser advogada, mas que pretende voltar a trabalhar em breve e não sabe nem por onde começar a procurar emprego) e não sei qual vai ser a minha próxima profissão.

5- E eu preciso fazer as unhas. Faz 3 semanas que eu não faço as unhas, o que é quase um crime pra uma roedora compulsiva. Não deu outra: roí tudo e agora preciso consertar.

Acho que por ora é só...
10

domingo, novembro 16, 2008


Encontro de sábado!






E sábado teve encontro das blogueiras: Eu, Cinthya, Andréa, Ice, Olly e Milena.
Nem preciso dizer que foi o máximooooo! Eu amei conhecer cada uma das meninas e já to louca pra marcarmos o próximo.
O André até que colaborou e eu pude ficar duas horinhas com elas, mas aí ele chorou e eu fui embora socorrer o papai. Então já fica aqui o convite pra virem conhecê-lo pessoalmente quando quiserem.
E aqui vão as minhas impressões sobre as meninas:

Cinthya: Meiguinha toda vida. Uma fofa! Linda, madrinha, pequenininha, super simpática. Pena que ficou tão pouquinho.

Andréa: A Andréa é um doce mesmo...e eu até já sabia disso só de ler o blog, mas pude comprovar pessoalmente. Super carinhosa, super divertida. Se ela diz estar em crise e é assim tão agradável, imagina sem crise. rs! Amei!

Ice: a Ice diz que é malvada, mas não é nãooooo. Tem uma voz de criança, um sotaque super fofo. É super simpática, muito legal, uma delícia de bater papo. Adorei!

Olly: uma figuraça. Engraçada e divertidíssima...não para de falar um segundo, super animada, super sincera e autêntica...uma companhia incrível. E gente, cuidado!! Ela é uma máquina de ler blog...não só lê como decora tudo, lembra de todos os posts de todo mundo, uma máquina!! rs!

Milena: Fooooofa! Alto astral, alegre, animada, fala sorrindo ! Tem sempre um comentário bacana pra fazer. É do jeitinho que eu imaginava lendo o blog, uma pessoa das mais legais mesmo, que dá impressão que a gente já conhece há anos!

Como eu imaginei, parece que já nos conhecíamos há muito tempo...o papo fluiu que foi uma delícia! E todas me deram um abraço tão gostoso...eu adoro abraço, adoro o carinho do abraço, sabe??? Ah, adorei e pronto!
E já quero marcar mais e mais e mais!
Amei conhecer vocês queridas!!!
12

quarta-feira, novembro 12, 2008


6 anos!


Sim, hoje nós fazemos 6 anos de namoro/casamento. É uma data só, como eu contei no ano passado AQUI!
Então esse ano vou contar a estorinha lááá do começo, de quando nos conhecemos. Foi no trabalho. Eu já estava no escritório há 6 meses quando ele entrou. Ficamos amigos de cara, muuuuito amigos. Em pouco tempo falávamos de tudo, família, amigos, grana, ele contava os problemas com a namorada, eu contava meus rolinhos e casinhos (sim, contava até demais! rs!).
E nunca rolou nem um climinha, nem uma brincadeirinha diferente...éramos amigos mesmo. Hoje em dia, pensando bem, a gente percebe um ou outro ciuminho que a gente tinha um do outro, umas atitudes diferentes das que temos com amigos...mas só hoje, porque na época não tinha nenhuma segunda intenção, de nenhuma parte.
Até que um belo dia, um ano depois, eu encaminhei um email que recebi de uma amiga e ele respondeu fazendo uma brincadeirinha de duplo sentido...e eu dei papo, né gente? Conversa vai, conversa vem e passamos o dia todo trocando emails no maior papinho besta.
O dia seguinte foi uma sexta feira e logo cedo, umas 9h da manhã, ele me perguntou o que eu faria à noite, eu respondi que não sabia, que ia ver com as minhas amigas e tal. Eis que ele diz, assim, na lata :"Pois eu sei o que vc vai fazer, vc vai sair comigo." E eu respondi: "tá". E só...hahahaha
E foi engraçado, pq ele foi me buscar em casa e nós dois estávamos meio sem graça, sabe? Arrumando assunto o caminho todo. Justo nós dois, super amigos, sempre com tanto assunto, de repente não tinhamos assunto, de tão sem graça que estávamos. É que éramos amigões e de repente estávamos ali saindo juntos.
E foi demais...depois desse dia não nos desgrudamos mais. Dez dias depois já estávamos namorando. Já tinhamos tanta sintonia que foi tudo super rápido.
Eu tinha uma viagem de Ano Novo marcada pra Fortaleza com vários amigos e ele comprou passagem e foi junto. De lá demos uma esticadinha pra mais uma semaninha em Jericoacoara e foi incrível.
Meu melhor amigo virou meu melhor namorado, depois o marido mais incrível do mundo e hoje, tenho certeza que é o melhor pai que o meu filhote poderia ter. E até hoje a nossa sintonia é tão boa, nosso relacionamento é leve, cheio de carinho, compreensão, nós nos entendemos muito, sabe? Nossa comunicação é muito boa e acho que por isso é que dá tão certo. Temos muita afinidade e somos muito apaixonados.
E todo mundo comenta com a gente que o nosso relacionamento é muito legal, é diferente, especial...e é mesmo, sabe? E eu tenho o maior orgulho disso, pq é construído ali, no dia-a-dia, com muito carinho e muito respeito.
Amo como eu nunca imaginei que meu coração fosse capaz de amar! Até que chegou o André e me mostrou que eu ainda poderia amar muuuuuuuuuito mais, mas esse é assunto pra outro post! rs!
9

terça-feira, novembro 11, 2008


Cinema

Genteeeeeee! Depois de uns 6 meses sem ir ao cinema (no finzinho da gravidez eu não conseguia mais ir, pq tinha que levantar umas 10 vezes pra ir ao banheiro), eu e o maridão vamos no domingo.
Nós gostaríamos de assistir "Ensaio sobre a cegueira", mas não está mais passando nos grandes cinemas, então não sabemos o que assistir.
Tô super por fora.
Que filme vocês sugerem??
7

sexta-feira, novembro 07, 2008


Apelidos


Antes mesmo de o André nascer ele já tinha um apelido, a gente carinhosamente chamava de ANDRÉ PÉ DE CHULÉ.
Logo que ele nasceu, o apelido dele virou PORQUINHO porque ele fazia um barulhinho tipo um oinc, oinc quando estava mamando. Era só ele "perder" ou "soltar" o peito que ele fazia esse barulhinho procurando...era a coisa mais fofa.
Depois ele deu uma engordadinha súbita e virou o MASSUDINHO. Esse é o apelido que o papai mais gosta, e combina, pq ele é cheinho, massudinho mesmo!
Aí ele começou a rir, dar gargalhadinhas e fazer palhaçadinhas...foi quando virou o MOLEQUITO MALUQUITO!
E por fim, nessa última semana, depois que fomos ao pediatra e vimos que o moleque está enorme, super comprido (gente, ele cresceu 6cm no último mês!!!) e super gordinho, ele virou o GODO GODOLINO GODOFREDO!
Não sei o motivo, mas ele morre de rir cada vez que eu falo isso...e já tentei todas as entonações possíveis. É só eu falar Godo Godolino Godofredo que ele ri muito!!!

E pior é que a gente só se refere a ele pelos apelidos...maridão liga aqui e pergunta: "como está o massudinho?" ou mais recentemente "como vai o godolino?" rs!

***************
* quanto ao show, obrigada pelo apoio e sugestões, mas não teve jeito. Como era ingresso de pista, não tem controle na entrada então não tem como "bloquear" os ingressos perdidos! Mas ok., já estou conformada. Vai ver não era pra eu ir mesmo, né?
14

quarta-feira, novembro 05, 2008


maior cagada do século

Gente, eu JOGUEI FORA OS MEUS INGRESSOS PRO SHOW DA MADONNA!!

Isso mesmo, joguei fora. Os meus e mais 4!
Eu comprei 6 ingressos: o meu, do Dani, de duas amigas e mais um casal de amigos. Recebi os ingressos em um envelope pardo e deixei em cima da estante (mancada n.1 - devia ter guardado em um lugar apropriado na mesma hora). 
Na última segunda fiz uma limpeza nessa estante e joguei o envelope fora pensando ser envelope de outra correspondência (mancada n. 2 - joguei fora sem conferir).
Hoje cismei de olhar os ingressos, fui procurar e não achava de jeito nenhum...e aí eu lembrei de ter jogado o envelope fora.
Quase morri do coração! Eu estava alucinada por esse show. O Dani ficou 4 horas no site pra comprar. Eu comprei pra mais 4 pessoas, que já até me pagaram. E joguei todos fora!

Ou seja: Não vou mais ao show, acabei com o programa de mais 5 pessoas que tb estavam doidas pelo show e ainda tenho que reembolsar todos os ingressos.
Ai, to tãooooooo triste!
12

A minha voz continua a mesma...

Tava pensando aqui...
A gente se conhece super, né? Nós, as meninas que lemos os blogs umas das outras! Sabemos o dia-a-dia, sabemos sobre a família, amigos, marido, filhos, namorados, casos, rolos. Sabemos gostos, preferências, manias, conhecemos bem mesmo...muito bem considerando que nunca nos vimos.
E isso que eu acho curioso...a gente não sabe como é a VOZ de cada uma.
Não é engraçado? Eu não tenho idéia se a Elise fala alto ou baixo, se a Bruninha fala rápido, se a Milena tem voz fina, se a Ice tem muito sotaque, se a  fala com as mãos, se a Cinthya fala muito ou pouco....
Fiquei pensando nisso ontem e achei engraçadíssimo imaginar a surpresa que será a voz de cada uma. Isso porque eu gosto de reparar na maneira que as pessoas falam, se falam com as mãos, se falam pausadamente, se falam mais do que escutam...
Pelo jeito que cada uma escreve, dá pra imaginar bem mais ou menos o jeito de falar...mas a voz vai ser surpresa mesmo assim...

Coisas de uma mamãe com muito sono, que fica "viajando" enquanto o bebê mama no meio da madrugada! rs!
9

segunda-feira, novembro 03, 2008


Sábado no parque!


Essa foto aí em cima é a vista que eu tenho da janela aqui de casa! É muito linda, ainda mais considerando que ter uma vista bonita aqui em SP é quase que um milagre.

Antes de me mudar pra cá, eu morava no Paraíso. Era bem localizado, mas super barulhento, mesmo com as janelas anti-ruídos! Aí nos mudamos pra cá, ao lado do parque, uma ruazinha pequena e sem saída. Nenhum barulho!
Aqui não passa carro, então não tem barulho...o único barulho que costumávamos ouvir era de passarinhos. Uma benção.

Mas como tudo que é bom dura pouco...há algum tempo começou a ter show no parque todos os sábados (e alguns domingos tb)! E eu não tenho opção de ouvir ou não, o show é praticamente DENTRO da minha casa. E já teve de tudo, blues, MPB, jazz e até gospel. 
Isso sem falar no Carnaval...sambão todos os sábados (desde o ano passado)! 

E é ótimo, porque o André simplesmente NÃO DORME enquanto a música não acaba! Ele adora música, mas não assim, com som no último volume e pessoas cantando junto. E olha que eu moro no 16 andar...ainda assim o som é muito alto.

Pra completar a minha alegria, há uns 2 meses (claro, depois que o André nasceu) minha casa virou rota de avião! Que maravilha, né? É avião passando o dia inteiro, com intervalo de 10 minutos entre um e outro, como se eu morasse ali, dentro do aeroporto. Não bastasse o barulho, eu morro de medo de avião, então nunca moraria em rota!

Ou seja, tô feliz da vida! Nos mudamos pra cá pra fugir do barulho e meu apartamento se tornou o mais barulhento de SP!!
6