segunda-feira, dezembro 10, 2007


Natal!

Eu queria tanto ter uma família super unida, daquelas que passa o Natal juntos, todos os irmãos, filhos, sobrinhos, pais, avós...
Mas depois que a gente casa, vai ficando cada vez mais difícil. Um dos meus irmãos costuma passar com a família da sogra, outro irmão passa um ano com cada e o outro traz a sogra pra passar com ele, e é normalmente com esse irmão que eu costumo passar.
Eu também revezo, passo um ano em SP com a minha mãe e outro no RJ com a sogra.
Os sobrinhos tb revezam! Sim, porque dois dos meus irmãos são casados pela segunda vez e aí os filhos do primeiro casamento passam às vezes com a gente e às vezes com as respectivas mães.
Aí tem a Bisa, que mora o litoral e não aguenta mais viajar pra SP no Natal, mas aí se formos passar com ela, que mora em uma casinha minúscula, ninguém mais fica junto...então todo um esquema é organizado pra trazer a Bisa com conforto.
Adoraria todos juntos, a casa cheinha de criança....
Um saco essa modernidade! Ainda nem sei quem vai passar aqui esse ano...snif, snif...
12

12 comentários:

Andréa Ramos disse...

Oi Renata,td bem??
Obrigada pelas palavras de conforto,mas eu tô p....da vida com essa molecada viu.
Por isso,curta muito o seu bebê,eles crescem muito rápido e qdo vc menos esperar,ele já se transformou num adolescente impiedoso.hehehehehehe.Ô Meu Deus,eles são tão lindinhos qdo pequenos!!!!Pq será que ficam assim heim?
Mas falando do Natal,é isso mesmo,um saco.
Eu tenho aprendido algo durante esses anos todos sabe.
Qdo seu bebê nascer,perceba que vcs formam uma nova família e forte o suficiente para estarem somente os três.Eu aprendi isso faz um tempinho.Somos cinco,já é bastante né.
Beijinhos para os dois!!!!!

Renata R. disse...

Ô, Rê... Eu também adoro quando a família está toda reunida, mas é sempre tão difícil...

As partes interessadas disse...

é mesmo, as festas são uma delícia, mas sempre tem esse 'porém' de quem vai pra onde que as vezes gera alguns desgastes, né? uma meleca... quando a gente é criança é tudo tão mais fácil!

Drica disse...

ah, nesta epoca a familia sempre é um "problema" no sentido d se reunir e tal, e a sempre uma certa dose d cobrança sobre onde e com quem vamos passar estas datas... ai ai.... bjao! :)

Denise disse...

juro, é meu sonho um natal assim.
eu acho a coisa mais linda as famílias unidas.
vai ser o dia de eu criar a minha.

Helen disse...

Como sempre diz uma pessoa de quem gosto muito, use o que você tem. Faça ser da melhor maneira possível, com quem realmente pode estar perto de você:)

E vc vai estar plus feliz esse ano, né?

beijo!

Muleka disse...

Nem me fale em festas de final de ano, antes era uma alegria só, a casa sempre ficava cheia, os parentes vinham todos, hj em dia se não passo com a família do namorado fico sozinha sem ceia, sem nada... triste isso! Bjs *)

[ www.muleka.serelepe.zip.net ]

Muleka disse...

Nem me fale em festas de final de ano, antes era uma alegria só, a casa sempre ficava cheia, os parentes vinham todos, hj em dia se não passo com a família do namorado fico sozinha sem ceia, sem nada... triste isso! Bjs *)

[ www.muleka.serelepe.zip.net ]

[ r ê ] disse...

OI xará! Nossa, faz tempão que não vejo aqui e nem sabia da novidade, que fofaa..

tem neném vindo!

Bom, as famílias modernas são assim, cada um no seu canto, todo mundo espalhado...mas tem que harmonizar do jeito que dá...

Aqui em casa não é diferente: eu passo o natal com meu pai e a terceira esposa e as filhas, minha mãe com o marido e a sogra, ano novo passo com minha família por parte de mãe...

meu irmão agora que casou passa com a sogra, ano novo ele passa com a gente, e assim vai...

tem que dividir...rs

Aline Tolotti. disse...

É, dificílimo é achar famílias ainda tão tradicionais a ponto de reunir toda parentada de norte-a-sul do Brasil. Também sofro deste mal em minha família.

Aliás, há anos, muitos mesmo, que não reunimos pelo menos a parentada de primeiro grau. Difíiicil. É pena.

Mas no fim nós acostumamos.
Beijoca.

Cantinho Bom disse...

É mesmo um saco...eu sempre fico esgotada só de pensar em Natal...Como boa filha de pais separados sempre tive que me dividir, e agora casada tenho que me dividir mais ainda...Hummmmf

Cinthya Rachel disse...

ai, nem me fale. qdo a gente é criança é fácil, né? depois fica cada vez mais complicado, todo mundo fica cobrando... não gosto disso tb